Sobre o sangue O positivo

Escrito por debra jones | Traduzido por fabrício basílio o. de souza
Sobre o sangue O positivo

Saiba um pouco mais sobre o tipo sanguíneo O+

seringa com sangue image by António Duarte from Fotolia.com

O sangue que é do tipo O positivo tem duas características principais: a ausência de antigênios sanguíneos A ou B e um fator de Rhesus (Rh) positivo. De acordo com a Cruz Vermelha Americana, o sangue O positivo é o tipo de sangue mais comum, partilhado por 38 por cento da população dos EUA.

Outras pessoas estão lendo

Fatos

Há oito tipos comuns de sangue que um indivíduo herda baseado na combinação sanguínea de seus pais: • A positivo • A negativo • B positivo • B negativo • AB positivo • AB negativo • O positivo • O negativo Apenas certos tipos de combinações de sangue são compatíveis porque antígenos sanguíneos incompatíveis podem atingir o sistema imunológico do receptor de sangue.

Tipagem de sangue para transfusões

No caso de uma pessoa com sangue O positivo precisar de uma transfusão -- devido a trauma, cirurgia, câncer, doenças do sangue ou outras patologias -- ela pode receber apenas sangue O positivo ou O negativo. Como resultado, o sangue positivo tem alta demanda, ficando atrás apenas do sangue O negativo, que é usado em emergências, quando não há tempo para verificar o tipo de sangue de um destinatário. Aqueles que possuem o tipo sanguíneo O positivo podem doar sangue a qualquer um dos outros tipos de sangue positivos. De acordo com a Cruz Vermelha, isto significa: • 84 por cento da população pode receber suas células vermelhas do sangue • 100 por cento da população pode receber suas plaquetas • 45 por cento da população pode receber seu plasma

Doação de glóbulos vermelhos duplos

Por causa da alta demanda, os indivíduos com um tipo sanguíneo O positivo são incentivados a doar glóbulos vermelhos duplos. Trata-se de um processo automatizado em que uma máquina que extrai duas vezes o número de células vermelhas do sangue encontradas em uma unidade total de sangue e devolve os outros componentes (plaquetas e plasma) para o doador. Segundo a Cruz Vermelha, as células vermelhas do sangue coletadas são mais susceptíveis a beneficiarem pacientes de trauma e cirurgia. Os indivíduos são elegíveis para doar duplas células vermelhas uma vez a cada 112 dias, ou três vezes por ano.

Incompatibilidade de Rh e gravidez

Como mencionado anteriormente, a qualidade positiva ou negativa de um tipo sanguíneo refere-se ao seu fator Rh. Além da tipagem para as transfusões sanguíneas, a incompatibilidade de Rh é uma preocupação potencial durante a gravidez. Cerca de 85 por cento das pessoas possui um Rh positivo, de acordo com um artigo publicado no site Kidshealth.org. Se uma mulher que possui um Rh negativo e um homem que possui um Rh positivo (incluindo O positivo) conceberem um bebê, há uma chance de 50 por cento de o bebê ter um sangue Rh positivo, fazendo com que o corpo da mãe produza anticorpos para atacar a substância estranha. Embora antigamente a doença de Rhesus (eritroblastose fetal) tenha causado riscos significativos para a mãe e o recém-nascido, hoje os médicos previnem os possíveis problemas com a administração de duas globulinas de Rh imunes durante a primeira gravidez de uma mulher em situação de risco, afirma o artigo.

Personalidade do O positivo

Os japoneses acreditam que o tipo sanguíneo influencia a personalidade de cada um. As pessoas com sangue tipo O (independentemente do fator Rh) são consideradas extrovertidas e confiantes, de acordo com um artigo na revista Science World. Muitos jogadores famosos de beisebol japoneses possuem o tipo sanguíneo O, acrescenta o artigo.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media