Técnicas de escrita à mão

Escrito por debbie mcclure | Traduzido por rúben carlos esteves
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Técnicas de escrita à mão
A caligrafia foi devidamente exercitada em escolas até 1980 (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

A caligrafia como disciplina foi retirada do sistema educativo americano durante a década de 1980. Naquela altura, muitos de nós aprendíamos a ler e a escrever em manuscritos, mas nunca fomos ensinados a praticar técnicas específicas que ajudassem a ter uma caligrafia bonita. Como se verifica, quando se fala de caligrafia, a técnica é tão importante quanto o resultado. Eva McCandless, autora do livro Centrifuge Language Arts Curriculum, refere cinco características para uma boa caligrafia: forma, tamanho, inclinação, alinhamento e espaçamento. Então, como se passa de uma má caligrafia a uma escrita à mão perfeita?

Outras pessoas estão lendo

Comece por escrever no ar

Dyas Lawson, professor e instrutor de caligrafia, diz que pode parecer absurdo mas, na realidade, escrever no ar exige de você a utilização dos músculos adequados para obter uma técnica de escrita à mão ajustada. Donna Young, criadora da Young Minds Printables e Resources, afirma que, para ensinar em casa, ela concorda e aconselha a escrita no ar, porque funciona como uma atividade que ajuda as crianças a melhorar sua capacidade de escrever. O seu cotovelo deve ficar dobrado, os dedos, o pulso e o antebraço firmes à medida que o braço e o ombro efetuam os movimentos. Comece com letras grandes. À medida que se tornar confortável, reduza o tamanho da letra.

Técnicas de escrita à mão
Encoraje a criança ou o colega de trabalho a escrever no ar com você! (Goodshoot/Goodshoot/Getty Images)

Exercite traços simples

Lawson argumenta que a troca de caneta e papel deve começar com os seguintes traços em série: X, /, \, O, | e espirais sobrepostas. Não desenhe os traços no papel se não utilizar os mesmos músculos com que praticou a escrita no ar. Comece, de novo, desenhando letras grandes no ar sem fazer esforço usando apenas consistência e prática.

Prática diária

Lawson encoraja a prática desses traços até eles se tornarem uniformemente espaçados com desenhos suaves e de igual tamanho. Ele considera que se deve praticar 15 minutos por dia durante várias semanas. Esse exercício ensina quatro das cinco características sugeridas por McCandless.

Execução

À medida que o novo método de desenhar traços simples se tornar mais natural, reduza o tamanho e continue a praticar da mesma forma. Lawson afirma que, nesse momento, a prática tomará conta da sua caligrafia e você não terá qualquer problema em utilizar as novas técnicas quando quiser escrever à mão.

Rabisque conscientemente

Conheça os músculos que está usando até a letra cursiva surgir naturalmente. Não volte aos velhos hábitos. Enquanto aguarda ou faz desenhos em reuniões, tenha alguns momentos para praticar a escrita cursiva de modo a reforçar as novas técnicas.

Técnicas de escrita à mão
Rabisque com um objetivo (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível