O que são teorias organizacionais?

Escrito por le bach pham | Traduzido por juliana s. zoccoli
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que são teorias organizacionais?
Teoria organizacional tenta ampliar a compreensão do funcionamento de uma organização (Thomas Northcut/Photodisc/Getty Images)

A teoria organizacional tenta explicar o funcionamento das organizações para produzir compreensão e apreciação delas. Ela se baseia em várias áreas de conhecimento e disciplinas, de acordo com a Oxford University Press. Alguns tipos de teorias organizacionais incluem clássica, neoclássica, de contingência, de sistemas e estrutura organizacional. Essas variações na teoria organizacional partem de várias perspectivas, incluindo as visões moderna e pós-moderna.

Outras pessoas estão lendo

Teoria organizacional clássica

A teoria organizacional clássica combina aspectos de gestão científica, teoria burocrática e teoria administrativa. Gestão científica envolve obter equipamentos e mão de obra ideais e examinar cuidadosamente cada componente do processo de produção, afirma a StatPac Inc, uma empresa internacional de pesquisa e desenvolvimento de software. A teoria burocrática coloca a importância em estabelecer uma estrutura hierárquica de poder. A teoria administrativa se esforça para estabelecer princípios universais de gestão relevantes para todas as organizações.

Organização neoclássica

Teoria organizacional neoclássica é uma reação à estrutura autoritária da teoria clássica. A abordagem neoclássica enfatiza as necessidades humanas dos funcionários de felicidade no trabalho, citou StatPac Inc. Isso gera criatividade, crescimento individual e motivação, o que aumenta a produtividade e os lucros. Gestores que utilizam a abordagem neoclássica manipulam o ambiente de trabalho para produzir resultados positivos.

Teoria de contingência

Teoria da contingência vê conflitos no local de trabalho como algo inevitável, mas também controlável. Isso difere das teorias clássica e neoclássica, que interpretam o conflito como uma interferência no equilíbrio organizacional. Na teoria da contingência, a produtividade é uma função da capacidade de um gerente de se adaptar às mudanças ambientais. Autoridade de gestão é especialmente importante para as indústrias altamente voláteis. Isso permite aos gerentes a liberdade para tomar decisões baseadas em situações atuais.

Teoria de sistemas

Os teóricos de sistemas acreditam que todos os componentes organizacionais estão interligados. Mudanças em um componente podem afetar todas os outros, de acordo com StatPac. A teoria dos sistemas vê as organizações como sistemas abertos em um estado de equilíbrio dinâmico, que estão em constante mudança e adaptação ao meio ambiente e circunstâncias. Relações não lineares entre os componentes organizacionais criam uma compreensão complexa das organizações em teoria de sistemas.

Estrutura organizacional

A estrutura organizacional se tornou um aspecto importante da teoria organizacional, devido à crescente complexidade das organizações multinacionais. Estrutura de gerenciamento de projeto tem como foco o gerente de projeto para informações e atividades relacionadas a projetos específicos. A estrutura organizacional da matriz tem estabelecido permanentemente departamentos que facilitam o gerenciamento de projetos. A constante troca de informações e de energia caracteriza a relação entre a estrutura organizacional e o meio ambiente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível