Como testar a autenticidade de uma pedra de diamante

Escrito por kristine tucker Google | Traduzido por ingrid marçal
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como testar a autenticidade de uma pedra de diamante
Teste uma pedra de diamante (diamond image by sumos from Fotolia.com)

Testar uma pedra de diamante, fixa em um suporte, ajuda a determinar se o diamante é autêntico ou uma réplica. Diamantes falsos são vendidos todos os dias em leilões na internet, e em joalherias e lojas de penhores indignas de confiança, em todo o país. Um joalheiro respeitável, ou um avaliador de joias, oferece o melhor teste, que abrange a análise da autenticidade e o valor de um diamante. Um avaliador pode pesar a pedra, medir e determinar o grau da cor e da clareza, além de determinar um valor de varejo. Sem depender de um joalheiro ou avaliador, existe alguns testes que fornecem percepção aguçada do valor intrínseco da pedra. Esses testes não são infalíveis, porém podem ajudar a testar a autenticidade do diamante.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Lupa simples ou de joalheiro
  • Luz ultravioleta

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Realize um teste visual para verificar se há marcas no diamante. Enquanto o diamante é mantido no suporte, use uma lupa para estudar o cume central que circunda a pedra. Esse centro é referido como cinto. Um teste visual com a ampliação pode ser usado para procurar inscrições gravadas a laser que garantem sua autenticidade. Essas inscrições são normalmente números de série que protegem o proprietário contra o roubo da pedra. Se os números estão visíveis, há uma forte probabilidade de que a pedra seja verdadeira.

  2. 2

    Faça o teste da respiração. Leve a boca perto da pedra e respire sobre a superfície de modo a embaçá-la . Um diamante verdadeiro irá desembaçar quase imediatamente. Dentro de um breve segundo, a pedra terá a aparência completamente clara e transparente. Se permanecer embaçado por alguns segundos, há uma boa chance de ser uma pedra falsa.

  3. 3

    Administre o teste da lua enquanto o diamante está no suporte. Use uma lupa e olhe para o diamante a partir do topo para ver o corte, também conhecido como faceta, que possui o diamante. Para ser verdadeiro como um diamante real, as facetas devem ser nítidas e precisas em sua aparência, e não enroladas ou curvadas. Estude o cinto e veja se ele é gélido. Procure falhas na pedra, como pequenos pontos negros, pequenas rachaduras ou pequenas manchas brancas em formato de pena. Essas falhas confirmam se o diamante é verdadeiro, já que é muito difícil colocar falhas propositais em uma pedra falsa. No entanto, se há reflexos de arco-íris visíveis na pedra, é provável que seja uma pedra falsa ou um diamante de baixa qualidade.

  4. 4

    Faça o teste da luz ultravioleta. Enquanto o diamante está descansando no suporte, mantenha uma luz ultravioleta ou uma luz negra sob o diamante. Se a pedra mostrar uma fluorescência azul, há uma probabilidade muito alta de ser uma pedra verdadeira. No entanto, os diamantes de alta qualidade muitas vezes não apresentam nenhuma fluorescência sob a luz negra. Assim, a falta da fluorescência azul não significa necessariamente que o diamante seja falso, pelo contrário, isso poderia significar que o diamante possui alta qualidade. No entanto, o aparecimento de outras cores como o verde, amarelo, cinza ou outra fluorescência, muitas vezes prova que o diamante não é genuíno.

  5. 5

    Use um aparelho eletrônico para testes de diamante. Esses aparelhos verificam a verdadeira natureza do carbono e do sinal sonoro do diamante, determinando a autenticidade da pedra. Enquanto a pedra permanece no suporte, execute o aparelho eletrônico sobre a superfície do diamante. Segure o aparelho cerca de 2,5 da pedra, durante o teste. Se o aparelho emitir um bipe e mostrar uma luz verde, o diamante é autentico. Tenha cautela - quando se usa um aparelho eletrônico, a moissanite é a única pedra que pode enganar o aparelho eletrônico.

Dicas & Advertências

  • Ao usar uma lupa, coloque o olho perto da lupa para a visão se tornar melhor. Não segure a lupa distante da face.
  • Não tente o velho truque de riscar um vidro com um diamante. Riscar o vidro pode macetar as bordas das facetas da pedra. Isso poderia legar a uma diminuição significativa no valor intrínseco da pedra.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível