Que tipos de células são encontradas no tecido dérmico?

Escrito por jack powell | Traduzido por pamela oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Que tipos de células são encontradas no tecido dérmico?
Há muitos tipos diferentes de tecido dérmico (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

A pele é o maior órgão do corpo humano. Apesar de a maioria das pessoas não pensar na pele como um órgão, ela se encaixa nesta definição e é crucial para a sobrevivência. Além de ser uma proteção contra patógenos, danos físicos e radiação, a pele ajuda a manter a temperatura corporal e tem participação até mesmo na troca de oxigênio. Ela é composta por duas camadas principais, cada uma servido a um propósito específico, e contém uma grande variedade de células especializadas.

Outras pessoas estão lendo

Queratinócitos

A camada mais superficial da pele, chamada epiderme, é formada por cinco camada de queratinócitos. Essas células de coluna são formadas nas camadas mais internas e vão sendo achatadas conforme as camadas de células mais novas empurram-nas para cima. Quando chegam à camada externa, essas células já estão mortas e se descamam a cada duas semanas, aproximadamente.

Melanócitos

Os melanócitos são um tipo de célula especializada encontrada na epiderme, e produzem um pigmento chamado melanina, que é responsável pela cor da pele. A quantidade de melanina varia entre os indivíduos e protege o corpo da danosa radiação UV.

Células de Langerhans

Outro tipo de célula da epiderme é a célula de Langerhans, que compõe de dois a cinco por cento da epiderme. Essas células são formadas a partir da medula óssea e detectam antígenos que entraram pela epiderme. Quando as células de Langerhans encontram corpos estranhos, os capturam e os levam até os nódulos linfáticos para serem neutralizados e eliminados.

Células de Merkel

Sendo o último tipo de célula encontrado na camada epidérmica, as células de Merkel são encontradas entre os queratinócitos e compõem de seis a dez por cento das células epidérmicas. Essas são as únicas células que ficam em contato com as terminações nervosas envolvidas na percepção do tato.

Fibroblastos

O tipo de célula básico que existe na derme é chamado de fibroblasto. Mais grossa do que a epiderme, a derme é uma malha de fibras de colágeno e elastina. Ambas as fibras, que são primordiais para manter a funcionalidade da pele, são produzidas pelos fibroblastos.

Células musculares

Todos os folículos capilares estão localizados na derme, juntamente com os músculos eretores de pelos, que estão ligados a cada folículo. Quando essas células musculares especializadas se contraem, elas fazem com que os pelos se levantem, uma condição normalmente chamada de arrepio. Quando estão nessa posição, os pelos aprisionam o ar circundante, ajudando-o a reter o calor. Em outras espécies de animais, como gatos e porcos-espinhos, os pelos ou espinhos arrepiados fazem com que pareçam mais ameaçadores.

Células nervosas

Diferente da epiderme, a derme contém muitas células nervosas. Essas células processam coceiras, dores e temperaturas. Algumas células nervosas especializadas, chamadas de corpúsculos de Meissner e de Pacini, que são sensíveis à pressão e temperatura, respectivamente, são encontradas nessa região

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível