Tipos de minerais de sistema cristalino monoclínico

Escrito por krista lee childers | Traduzido por mara marcos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tipos de minerais de sistema cristalino monoclínico
O gesso é um mineral monoclínico (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Os mineralogistas usam vários métodos para classificar os minerais, um dos quais é através da simetria. Os elementos que compõem um mineral estão ligados de forma particular em uma rede cristalina. A simetria de um mineral pode proporcionar evidências na forma de uma estrutura de cristal. A clivagem e o método de cristalização são também indicações sobre a estrutura de cristal de base e sobre a simetria que um mineral terá.

Outras pessoas estão lendo

A simetria monoclínica

O sistema monoclínico de minerais refere-se àqueles que possuem todos os eixos de comprimento desiguais, com uma simetria de "2/m", " 2", ou "m" pelo sistema Hermann-Mauguin de notação. Nesta notação, "m" indica uma simetria de imagem em espelho e "2" indica a simetria de rotação de 2 vezes. Existem três tipos de simetria monoclínica: esfenoidal, domática e prismática.

Classe esfenoidal

A classe esfenoidal tem uma simetria de 2 (rotação de 2 vezes). Esta classe de simetria é muito menos comum do que a classe prismática. Um exemplo de um mineral esfenoidal é o calcopirite, o qual possui dureza de quatro e é pobre em termos de clivagem em uma única direção.

Classe domática

A classe domática tem uma simetria de m (imagem de espelho plano). Esta classe de simetria é menos comum do que a classe prismática, porém, é mais comum do que a classe esfenoidal. Um exemplo de um mineral domático é o antigorite, o qual possui dureza entre três e cinco e nenhuma clivagem.

Classe prismática

A classe prismática é a mais comum do sistema monoclínico e tem uma simetria de 2/m. Alguns exemplos de minerais prismáticos são o ortoclásio, que possui dureza de seis com dois planos de clivagem boa; a augita, que tem dureza entre cinco e 6 com clivagem em duas direções; o gesso, o qual tem uma dureza de dois e clivagem perfeita em uma direção, mas clivagem distinta em duas outras direções; a tremolite, que tem uma dureza entre cinco ou seis, com clivagem perfeita em duas direções; e o coesite, que é um polimorfo de SiO2 com uma dureza de oito e nenhuma clivagem.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível