Tratamento para metástase pulmonar

Escrito por m. gideon hoyle | Traduzido por marcelo couto
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tratamento para metástase pulmonar
Células cancerígenas (Duncan Smith/Photodisc/Getty Images)

A "metástase pulmonar" é um termo usado para descrever o câncer que se espalhou (sofreu metástase) além do tecido dos pulmões. Embora esse tipo de doença possa ocorrer em qualquer lugar do corpo, normalmente é mais encontrado no fígado, cérebro, ossos ou glândulas suprarrenais. O câncer também pode espalhar-se de um pulmão para o outro. A metástase pulmonar geralmente é fatal e os tratamentos normalmente não procuram uma cura e sim uma redução dos efeitos da doença.

Outras pessoas estão lendo

Tratando metástase isolada

Se uma pessoa for diagnosticada com metástase pulmonar, é importante reconhecer que as células cancerígenas que se espalharam para outras partes do corpo ainda são células pulmonares e precisam ser tratadas como tais. Existe uma possibilidade que o câncer só tenha espalhado-se para uma ou duas áreas isoladas. Caso seja verdade, a pessoa pode candidatar-se para formas de tratamento mais localizadas, normalmente reservadas para pessoas com casos menos avançados da doença. As opções incluem terapia com radiação e cirurgia.

A terapia com radiação envolve o uso de raios-X externos e localizados para destruir células cancerígenas em uma determinada região. Embora também existam tratamentos disponíveis com radiação interna, raramente são usados para tratar células cancerígenas pulmonares. Se o câncer metastático formar tumores distintos, como pode acontecer se o outro pulmão for envolvido, eles poderão ser removidos cirurgicamente. Também é provável a utilização de drogas quimioterápicas como parte do tratamento. Esses medicamentos de amplo espectro — administrados de forma intravenosa ou oral — podem destruir as células de câncer por todo o corpo, além de aumentar consideravelmente a margem de segurança de terapias localizadas.

Tratando metástase avançada

Na maioria dos casos, a metástase pulmonar espalha-se de uma forma que impossibilita um tratamento localizado. Se esse for o caso, o tratamento focará no uso de quimioterapia, tratamentos paliativos e uma nova terapia com drogas, chamada de terapia-alvo molecular. O paciente também pode sentir-se incentivado a participar de um estudo aprovado para remédios experimentais.

A terapia-alvo é resultado de um estudo minucioso do funcionamento interno das células cancerígenas. Ao longo dos anos, pesquisadores descobriram que certas estruturas dentro das células são vulneráveis a ataques químicos. Essas estruturas variam entre formas diferentes de câncer, mas, logo que uma vulnerabilidade é encontrada, pode ser explorada. Esse tipo de tratamento para câncer pulmonar inclui os medicamentos bevacizumabe (Avastin) e erlotinibe (Tarceva). Embora os efeitos colaterais do erlotinibe sejam relativamente pequenos, com o bevacizumabe existe a possibilidade de hemorragia grave. Esteja ciente que a terapia-alvo normalmente não é usada na forma metastática da doença, chamada de carcinoma de células pequenas.

A decisão de encerrar o tratamento

Se o câncer estiver em estado avançado, o paciente e o médico podem optar por suspender os tratamentos destinados a reduzir a propagação da doença e mudar para outros que foquem na diminuição da dor e do desconforto. Grande parte do tratamento paliativo é de redução ou eliminação dos efeitos colaterais causados pelos medicamentos. Consulte um oncologista para saber mais sobre cada fase do tratamento para a metástase pulmonar, bem como para obter informações sobre testes clínicos adequados.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível