Três características comuns entre o bolor do pão e cogumelos

Escrito por alex said | Traduzido por vanessa arnaud
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Quando pensamos pela primeira vez em bolor do pão e cogumelos, é difícil imaginar similaridades entre os dois organismos; entretanto, estes dois fungos possuem muito em comum. Eles apresentam três características principais que ajudam a classificá-los em uma espécie. Estas características são cruciais para sua sobrevivência e crescimento.

Outras pessoas estão lendo

Crescimento do bolor do pão e dos cogumelos

Os cogumelos são encontrados ao longo de todo o Brasil. Não é preciso muito para que cresçam e se desenvolvam. Desde que recebam alimentos e nutrientes, podem sobreviver por longos períodos. O bolor do pão é um tipo de bolor que ataca especificamente pães, fazendo-os apodrecer. Os pães possuem uma validade muito curta e, por conta disso, os fungos aparecem relativamente rápido. Todos os tipos de pão podem desenvolver bolores.

Características da parede celular

As células dos cogumelos e do bolor do pão apresentam paredes celulares com as mesmas características. Estas células possuem paredes constituídas por quitina. A quitina é uma proteína natural transparente. Como é comum em insetos, as células do bolor e do cogumelo possuem mais quitina do que celulose. A celulose é o componente principal das paredes celulares de plantas. Por conta da quitina, os fungos não são considerados plantas e não são capazes de realizar fotossíntese.

Espécies

Cogumelos e bolores do pão são tipos diferentes de fungos. O bolor do pão é um tipo de fungo que cresce em organismos multicelulares, como o pão. Este fungo apresenta ramos longos, como projeções, em sua estrutura celular, e pode se estabelecer em um organismo muito rapidamente. O bolor do pão é considerado um tipo de micróbio que, após se instalar, libera enzimas capazes de quebrar as ligações de hidrogênio presentes no amido. Como o pão é formado por muitas moléculas de amido unidas, quando o bolor quebra as ligações, o pão começa a se deteriorar. O cogumelo é um fungo típico. Pode crescer em qualquer lugar. Há uma grande variedade de cogumelos, tanto que a tradução literal de "fungus" é cogumelo. Tanto cogumelos como bolores do pão são capazes de crescer em organismos que não sejam multicelulares desde que consigam extrair deles os nutrientes necessários. O bolor do pão, por exemplo, extrai os nutrientes do pão através da quebra das moléculas de amido.

Reprodução

Tanto os cogumelos quanto os bolores do pão se reproduzem assexuadamente. Na reprodução assexuada, o organismo de um indivíduo não precisa de outro da mesma espécie para reproduzir; ele consegue se reproduzir absolutamente sozinho. Eles se reproduzem produzindo esporos que se espalham por conta própria. Estes esporos assexuados possuem exatamente o mesmo material genético do fungo que os gerou, e, portanto, podem se multiplicar e criar novos cogumelos ou bolores.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível