Câncer cerebral em gatos

Escrito por leslie rose | Traduzido por antônio melo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Câncer cerebral em gatos
A presença de um tumor cerebral em seu gato, embora seja muito grave, não é necessariamente uma condição letal (Comstock/Stockbyte/Getty Images)

Os tumores cerebrais em gatos são mais raros do que em cães. Devido ao crescente uso da ressonância magnética e da tomografia computadorizada, eles são diagnosticados mais frequentemente agora do que no passado. A presença de um tumor cerebral, embora seja muito grave, não é necessariamente uma condição letal. Existem diferentes tipos e tratamentos.

Outras pessoas estão lendo

Tipos

Os tumores cerebrais em gatos podem ser divididos em duas categorias gerais: primária e secundária. Um tumor primário é um tumor isolado no cérebro, enquanto que um tumor secundário é formado como uma extensão do câncer em outras partes do corpo do gato.

Período

Os tumores cerebrais em gatos podem crescer por anos, devagar o suficiente para que os donos não possam perceber o aparecimento de novos sintomas.

Causas

Ninguém sabe exatamente quais são as causas dos tumores cerebrais primários, mas eles tendem a crescer em gatos mais jovens, o que leva alguns especialistas a acreditarem que a causa possa ser, geralmente, a genética.

Sintomas gerais

Alguns dos sintomas dos tumores cerebrais em gatos incluem desorientação, alterações de humor, inclinação reduzida para ronronar, perda de comportamentos treinados e letargia geral.

Sintomas de acordo com a localização do tumor

Outros sintomas de tumores cerebrais em gatos são mais específicos para a localização do tumor, tais como a cegueira parcial ou completa (indicativo de um tumor no cérebro sobre o nervo óptico), as crises convulsivas (indicativo de um tumor no córtex cerebral do gato) e a paralisia facial (tumor no tronco cerebral).

Maligno e benigno

Alguns tumores cerebrais são malignos, enquanto outros são benignos, mas até mesmo os benignos ainda podem ser mortais, pois criam complicações da pressão extra craniana.

Tratamentos e curas

Embora não exista cura garantida para um tumor cerebral em um gato, os tratamentos podem incluir a radioterapia, a quimioterapia e a cirurgia, dependendo do tamanho, da localização e do tipo de tumor no cérebro e a condição geral do gato.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível