Saúde

Câncer nos ossos em cães e raios-X

Escrito por dr. david warmflash | Traduzido por alisson dantas
Câncer nos ossos em cães e raios-X

Raios-x para diagnóstico de câncer nos ossos de cães

Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

Câncer nos ossos em cães geralmente refere-se ao osteossarcoma, embora outros tumores cancerígenos também ocorram. Na maioria das vezes, o osteossarcoma se desenvolve nos ossos maiores das pernas de cães grandes. Os raios-x podem ser utilizados, tanto para o diagnóstico desses tumores como no tratamento com terapia de radiação.

Tumores malignos vs. tumores benignos

Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

Um tumor é resultado do crescimento descontrolado de células. Os tumores benignos nos ossos geralmente crescem em um local, mas não se espalham para zonas remotas do corpo, e não são chamados de câncer. Os tumores malignos nos ossos são aqueles que podem metastar, espalhando-se para locais remotos do corpo. Tecidos ósseos e associados, como a cartilagem, são chamados de tecidos conjuntivos. Os tumores que se desenvolvem a partir do tecido conjuntivo, ou a partir de tecido muscular, são chamados sarcomas.

Tipos de tumores malígnos nos ossos em cães

Osteossarcoma, o tumor ósseo maligno mais comum, está protegido por células que são parentes das células que normalmente produzem a matriz calcificada, que deixam os ossos fortes. Porém, há outros tumores ósseos malignos em cães.

Outros tipos de tumores ósseos malignos em cães

Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

O condrossarcoma é um tumor nas células da cartilagem. Em contraste com o osteossarcoma, esse outro tumor ocorre principalmente em ossos chatos e nas costelas, ao invés dos ossos longos. Outros sarcomas podem ocorrer em outras partes do osso, tais como nos revestimentos das cápsulas articuladoras. Carcinomas, tumores malignos que se desenvolvem a partir de células epiteliais, também podem ocorrer no osso do cão. O carcinoma nas células escamosas ocorre no periósteo, camada exterior dos ossos.

Raios-x no diagnóstico de osteossarcoma canino

Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

Os raios-x são extremamente úteis no diagnóstico de osteossarcoma, porque o tumor tem uma aparência muito distinta em comparação com os ossos saudáveis que estão próximos. Uma característica típica do osteossarcoma em um raio-x é conhecido como um "raio solar padrão", que aparece como uma área escurecida com linhas que irradiam para fora. As radiografias provavelmente revelam o osteossarcoma; no entanto, o diagnóstico deve ser confirmado por meio de biópsia.

Raios-x no tratamento de câncer ósseo nos cães

Cirurgia (particularmente amputação do membro) e quimioterapia são as bases do tratamento de osteossarcoma canino, já que o tratamento com radiação, usando feixes de raios-x, não tem demonstrado curar a doença. No entanto, tal radiação é usada para diminuir tumores que são muito grandes para uma cirurgia, ou como tratamento paliativo para deixar o cão mais confortável. Abordagens semelhantes são utilizadas em casos de condrossarcoma.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media