Como construir uma pesquisa em enfermagem segundo a Teoria da Adaptação de Callista Roy

Escrito por pauline lovingood | Traduzido por andressa v. da nobrega
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como construir uma pesquisa em enfermagem segundo a Teoria da Adaptação de Callista Roy
Pesquisadores da área de enfermagem podem usar a Teoria da Adaptação de Roy para monitorar o comportamento (nursing duties image by Pix by Marti from Fotolia.com)

A Teoria da Adaptação de Roy foi criada pela Irmã Callista Roy, e serve de método em enfermagem para pesquisar a resposta humana a seu ambiente. Roy, professora e teórica da enfermagem da Universidade de Boston, afirma que os seres humanos podem se adaptar ao seu ambiente, e que essas mudanças podem ser influenciadas e monitoradas. O fracasso em se adaptar denota uma tendência na direção da doença, porque a adaptação é necessária para uma vida saudável. Profissionais da área de saúde podem pesquisar o comportamento humano, saúde e doenças, monitorando e observando estímulos e respostas a eles.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Conduza uma avaliação de nível 1 do comportamento de um grupo de amostra de pacientes. Isso envolve analisar um comportamento particular que os pacientes tenham em comum e que os pesquisadores desejam mudar. Trata-se geralmente de um comportamento alvo que os pesquisadores identificam como contribuinte para a doença. Os estudiosos definem o comportamento de acordo com a maneira com que se relaciona aos modos de adaptação que Roy destaca: auto-conceito, interdependência, fisiologia e função gestora.

    Como construir uma pesquisa em enfermagem segundo a Teoria da Adaptação de Callista Roy
    Os pesquisadores podem selecionar um comportamento indesejável como alvo para mudanças (smoking cigarette image by Sandra Henderson from Fotolia.com)
  2. 2

    Conduza uma avaliação de nível 2 do mesmo grupo. Os pesquisadores identificam e analisam os fatores que influenciam o comportamento alvo. Esses fatores podem estar influenciando os pacientes no momento, ou podem ser fatores do passado do indivíduo que continuam a influenciar seu comportamento. Eles podem também ser ambientais, sociais, conceituais ou cognitivos.

  3. 3

    Faça o diagnóstico dos pacientes. Os estudiosos precisam levar em consideração o comportamento em si e os fatores que podem estar influenciando-o. O diagnóstico serve como ponto de referência para comparar o progresso futuro, ou a falta dele.

  4. 4

    Determine metas para os pacientes. Os objetivos focam em mudar um comportamento indesejável ou reforçar um desejável. Esse passo é mais eficaz se os pacientes contribuírem para a definição das metas. O objetivo pode ser diferente para cada paciente, sendo que o objetivo final é uma mudança positiva no comportamento.

    Como construir uma pesquisa em enfermagem segundo a Teoria da Adaptação de Callista Roy
    O objetivo foca em provocar um comportamento positivo para a saúde (Young man on exercise bike image by Elzbieta Sekowska from Fotolia.com)
  5. 5

    Comece a intervenção. Os pesquisadores alteram o estímulo identificado como o que mais influencia um comportamento alvo. Eles podem diminuir o estímulo para permitir aos pacientes se adaptarem mais facilmente, dando assim um reforço positivo para a mudança de comportamento. Os pacientes podem também receber um apoio extra para que possam se adaptar ao estímulo inicial.

  6. 6

    Avalie os pacientes para monitorar quaisquer mudanças comportamentais em relação à sua reação ao estímulo. Os pesquisadores comparam as mudanças no comportamento com o objetivo desejado, e analisam a eficácia da intervenção. Idealmente, os pacientes conseguem se adaptar, aumentando sua tendência na direção de um comportamento mais saudável. A intervenção pode ser considerada eficaz nesse caso.

    Como construir uma pesquisa em enfermagem segundo a Teoria da Adaptação de Callista Roy
    Uma intervenção que traga uma mudança positiva é considerada eficaz (healthy yoga image by huaxiadragon from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível