Ervas que limpam a placa mucóide do cólon

Escrito por rosita tanza | Traduzido por bruno manuel silva morais
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Ervas que limpam a placa mucóide do cólon
A raíz de gengibre é uma das plantas que pode ser utilizada para a limpeza da placa mucóide (Siri Stafford/Photodisc/Getty Images)

A placa mucóide pode ser a causa de vários tipos de problemas digestivos. A utilização de tratamentos de ervas na remoção desta do cólon tem sido útil para muitas pessoas.

Outras pessoas estão lendo

História

Richard Anderson, ND, NMD cunhou a frase "placa mucóide". O dr. Anderson descreveu placa mucóide como um acúmulo insalubre da matéria mucosa anormal nas paredes intestinais. Esta matéria é produzida quando o corpo é sujeito a drogas, metais pesados​​, sal, álcool, parasitas, micróbios nocivos e suas toxinas, alimentos processados ​​e produtos químicos tóxicos.

O dr. Anderson criou um método para limpar este muco depois de várias tentativas de cura devido a estar perto da morte e sofrer de perda de memória, dor e fadiga, em 1983. Ele acrescentou uma dieta especial para manter um equilíbrio alcalino saudável em seu sistema

Significado

A placa mucóide pode retardar a digestão, a absorção de nutrientes e a excreção de resíduos. Ela pode criar um refúgio para os parasitas e bactérias nocivas. Pode permitir que as toxinas intestinais descansem, causando cancros do cólon e carcinomas gástricos. Quando esta placa não é excretada periodicamente, ela vai ficar mais grossa e as fezes vão aderir a ela, provocando movimentos intestinais lentos ou prisão de ventre. Ela também pode causar desconforto gástrico e flatulência. Algumas ervas têm um efeito laxante, o que vai ajudar a evacuações mais fáceis. Outras irão ajudar na limpeza e remoção de toxinas do corpo e outras ainda vão fornecer enzimas digestivas essenciais.

Tipos

Ervas laxantes, como casca de frângula, cáscara sagrada e folhas de pessegueiro ajudam nos movimentos intestinais.

Ervas de limpeza, como a raiz de berberis, folhas de violeta azul, morugem, raiz de gengibre, folha de verbasco, casca de psyllium, sementes de abóbora, alga marinha, e azeda-crespa estimulam a liberação de toxinas e limpam a placa mucóide e o acúmulo de gordura no intestino.

Ervas digestivas, como a alfalfa, raiz de dente de leão, folha de hortelã, semente de erva-doce e raiz de alcaçuz oferecem enzimas essenciais para ajudar na digestão e separação de partículas de alimentos.

Considerações

Muitas vezes, a limpeza do cólon é acompanhada por jejum. Jejuns podem incluir abster-se de comer alimentos processados ​​e permitir apenas sopas leves ou caldos e sucos de frutas, assim como beber muita água.

Alguns kits de limpeza do cólon são muito caros. Ervas separadas podem ser misturadas nas doses certas por muito menos dinheiro. Consulte o seu especialista em ervas ou nutricionista natural para ajuda nesta área.

Precauções

Embora muitas dessas ervas possam ser usadas em conjunto para combater a placa mucóide, é preciso ter cuidado e administrá-las em doses adequadas. Psyllium, o principal ingrediente em muitos laxantes comerciais, contém um elevado teor de fibra solúvel para ajudar na eliminação de resíduos, mas também pode promover a retenção de gás.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível