Que gases compõem o ar que respiramos?

Escrito por jack powell | Traduzido por max jahnke
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Que gases compõem o ar que respiramos?
Há mais coisas no ar do que pensamos! (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

A atmosfera da Terra é composta de uma camada de gás. Ele é mantido no lugar pela gravidade, impedindo-o de voar para longe no espaço. A atmosfera terrestre protege a vida absorvendo a radiação UV, segurando o calor na superfície quente da Terra e reduzindo os extremos de temperatura que podem ocorrer entre o dia e a noite. Os gases que compõem a atmosfera são comumente conhecidos como o ar, que é o que todos os seres vivos sobre a terra respiram.

Outras pessoas estão lendo

Nitrogênio

Muitas pessoas acreditam erroneamente que o oxigênio é o gás mais abundante no ar respirado na Terra, mas esse título vai, na verdade, para o nitrogênio, que compõe 78% do ar. O nitrogênio aparece como N2 — dois átomos de nitrogênio ligados em conjunto. Essa ligação é tão forte que o nitrogênio é quimicamente inerte. O nitrogênio que os animais respiram é exalado de volta para fora sem ser absorvida. Já que ele é essencial para a vida — sendo encontrado no RNA, DNA e proteínas — deve ser convertido em compostos com ligações menos estáveis ​​para ser usado pelos animais. Um caminho para isso é através de fixação de nitrogênio em plantas.

Oxigênio

Compondo cerca de 21% do ar que todos os seres vivos respiram, o oxigênio é absorvido pelos pulmões, ou estruturas semelhantes em animais inferiores, e transportado para todas as células do corpo com o sangue. O oxigênio é o mais instável e, portanto, o gás mais quimicamente ativo encontrado no ar. Embora ele seja uma necessidade para todos os animais, alguns podem se perguntar por que a atmosfera não contém uma concentração mais elevada. Há duas razões para isso: respirar oxigênio puro por longos períodos de tempo leva à toxicidade do oxigênio. Ele também é altamente inflamável, logo, aumentar a concentração no ar aumentaria sua inflamabilidade.

Argônio

O terceiro gás mais abundante no ar na Terra é o argônio, embora ele componha menos do que 1% do ar. Ele é classificado como um gás nobre na química, o que significa que é relativamente estável e não reage facilmente com os outros compostos. O argônio no ar vem principalmente do decaimento de um determinado isótopo de potássio na crosta da Terra. A massa de argônio utilizada na ciência é adquirida pela destilação fracionada do ar na sua forma líquida.

Outros gases

Existem vários gases adicionais presentes na atmosfera em quantidades diminutas. Eles são conhecidos como um grupo de "outros gases" e incluem o vapor de água, dióxido de carbono, o metano, o hélio, o hidrogênio e ozônio. Cada um tem seu próprio propósito e formas de produção. O metano, por exemplo, é um forte gás de efeito estufa, o que significa que ajuda a aprisionar o calor na atmosfera da Terra. O ozônio é encontrado em duas camadas distintas da atmosfera: a estratosfera, onde forma uma camada protetora, e a baixa atmosfera, onde é realmente um dos subprodutos da poluição.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível