O que é homofobia

Escrito por túlio pires bragança Google
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é homofobia
Homofobia, entenda o que é (Dynamic Graphics/Creatas/Getty Images)

Ultimamente muito se tem falado em homofobia no Brasil, mas nem todas as pessoas conhecem o real significado dessa palavra. Políticos, ativistas homossexuais e uma ala dos evangélicos colocaram esse vocábulo em voga, visto a discussão gerada por projetos de lei polêmicos discutidos na Câmara dos Deputados em Brasília e nos veículos de comunicação. Porém a homofobia não é algo recente, mas sim um comportamento tão antigo quanto a homossexualidade. No decorrer da história, a homofobia foi incentivada por religiões, governos e principalmente pela intolerância de algumas pessoas. Saiba melhor o que é a homofobia.

Outras pessoas estão lendo

Definição

A palavra homofobia é de origem grega. "Fobia" significa medo ou aversão e é um sufixo comumente encontrado em outras palavras que significam distúrbios de comportamento, como a sociofobia ou agorafobia. Já "Homo" é um prefixo de homossexual. Sendo assim, homofobia é todo comportamento, sentimento ou atitude negativa referente a pessoas ou práticas homossexuais. Homofóbicos comumente demonstram um forte preconceito, ódio e até mesmo um medo sem sentido em relação aos gays. Esse sentimento em alguns casos acaba sendo expressado de forma violenta, através de surras e até mesmo assassinatos de pessoas apenas pelo fato delas serem homossexuais.

O que é homofobia
Homofobia: aversão e ódio aos homossexuais (Ryan McVay/Digital Vision/Getty Images)

Homofobia no mundo

Em muitos países do mundo a homofobia é praticamente incentivada pelo governo. Nações como Irã e Emirados Árabes, por exemplo, punem com a morte o comportamento homossexual. Em Uganda, homossexuais podem ser condenados a 5 anos de detenção e até mesmo à prisão perpétua, dependendo do tipo de comportamento que forem indiciados. A ONU (Organização das Nações Unidas) combate fortemente essas leis e declara que os governos devem defender e proteger as pessoas da homofobia ao invés de incentivar atitudes condenadas pelos direitos humanos. Na América do Sul, a Argentina é um dos países mais avançados nesse tipo de políticas. Lá o casamento gay é legalizado, assim como a troca de sexo por pessoas transgênero.

O que é homofobia
Argentina, um dos países mais avançados da América do Sul em relação aos direitos dos homossexuais (Jack Hollingsworth/Photodisc/Getty Images)

No Brasil

A questão da homofobia vem ganhando destaque no Brasil desde 2010, quando ataques violentos a homossexuais aconteceram em São Paulo. Na ocasião, gays foram agredidos na região da Avenida Paulista por causa de sua orientação sexual. No mesmo ano, depois de uma parada gay, um homem foi atingido por uma bala atirada por um membro do exército no Rio de Janeiro. Números do GGB (Grupo Gay da Bahia) indicam que desde 1980, 2.998 pessoas foram assassinadas, sendo vítimas de ataques homofóbicos. O Supremo Tribunal Federal, instância máxima da justiça brasileira, decidiu pela legalidade da união estável entre homossexuais em maio de 2011, o que gerou ainda mais debate entre religiosos mais fervorosos, ativistas gays e políticos conservadores.

O que é homofobia
O Brasil ainda tem poucas políticas de combate à homofobia (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

Legislação

Os ativistas pedem uma legislação que puna fortemente crimes de homofobia e que também combata o preconceito, através de mais educação nas escolas. A bancada evangélica, aliada a políticos conservadores, é extremamente contra essas novas leis e batalha fortemente contra a causa gay. A Constituição de 1988 proíbe qualquer tipo de preconceito e racismo, porém não especifica os tipos de comportamentos condenados. O Projeto de Lei 122, criado em 2006 pela deputada Iara Bernardi (PT), tipifica e criminaliza todos os comportamentos de preconceito que são gerados por orientação sexual ou identidade de gênero. Porém, a ala religiosa do Congresso Nacional é contra a nova legislação, que segundo os congressistas fere a liberdade religiosa. No projeto de lei, toda e qualquer crítica ao comportamento gay pode gerar até 5 anos de cadeia.

O que é homofobia
Congresso brasileiro precisa aprovar leis de combate à homofobia (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível