Informações sobre tie-dye

Escrito por alana armstrong | Traduzido por camille sampaio
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Informações sobre tie-dye
Tie-dye é uma arte de decoração de tecidos (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Tie-dye é o processo de amarrar firmemente alguns pedaços de tecido juntos e imergi-los em um banho de corante. As partes do tecido que estão escondidas nas dobras das amarras continuam na cor original, e o resto fica com a cor do corante em que você mergulhou a peça. O processo de tie-dye tem uma história longa e bonita. Considerado uma arte de decoração de tecidos, a técnica continua presente na moda dos dias de hoje. Faça parte dessa tradição lendo sobre sua história e sobre o método de criar seus próprios tecidos em tie-dye.

Outras pessoas estão lendo

História e significado

A arte do tie-dye foi influenciada por muitas artes de tingimento de tecidos ao redor do mundo. Tribos do oeste da China, sudoeste da Ásia e da América Central amarravam e tingiam seus fios antes de tecer as roupas. As roupas depois teriam uma estampa espetacular, com áreas tingidas e outras não tingidas. Os peruanos também faziam tie-dye em lã e algodão, o que criou, em sua tecelagem, os desenhos listrados chamados de ikat. Mais tarde, o tie-dye se tornou completamente desenvolvido no Japão, entre 1568 e 1603. Os japoneses usavam o processo para criar padrões em quimonos de seda antes de usarem tinta ornamental para desenhar sobre essas peças. A tradição indiana de tie-dye era chamada de bandhani, e a tradição da Indonésia e Malásia chamava-se plangi. Os Estados Unidos adotaram o tie-dye primeiramente aplicado à decoração dos lares, como almofadas, cortinas e toalhas de mesa. Um ressurgimento dessa forma de arte ocorreu na década de 1960, quando a cultura da juventude utilizou-se da técnica como uma forma de expressar o individualismo.

Tipos de tingimento

Diversos tingimentos, como tintas índigo, podem e têm sido usadas no tie-dye. Tingimentos naturais incluem pigmentos vegetais, animais e minerais. Atualmente, a maioria dos tingimentos é química, feita de anilina, que, quando quimicamente tratada e às vezes misturada a um mordente, cria uma vasta gama de cores.

Tipos de padrões de tingimento

Há vários métodos de amarrar com cordas ou elásticos as partes do tecido antes de tingi-lo. O padrão de roseta é criado ao amarrar tiras elásticas horizontalmente em uma coluna de tecido, que resulta em uma estampa arredondada. Estilistas criam faixas largas enrolando todo o pedaço de tecido e amarrando cordas ao redor da largura do tecido. Algumas vezes, juntam e prendem o tecido ao redor de peças de mármores para criar a estampa de pequenos anéis. A alternativa mais barata é amarrar o tecido em nós, sem necessidade de nenhuma ferramenta.

Ferramentas e equipamentos

A pessoa que estiver fazendo tie-dye deve usar luvas de borracha ou látex para segurança, apesar de a maioria dos corantes não ser tóxica. Para a bacia do corante, use uma chaleira ou panela pequena de aço inoxidável e uma tigela grande de vidro temperado, ou balde de plástico descartável. Ferva água em uma panela separada e use uma colher longa de metal para mexer a água e o corante. Tenha um par de pinças à mão para mergulhar e retirar o tecido de sua bacia de corante com segurança.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível