Lesões no braço e cotovelo

Escrito por marc chase | Traduzido por laísa nascimento
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Lesões no braço e cotovelo
Seu braço pode quebrar em vários lugares (Creatas Images/Creatas/Getty Images)

Quedas, acidentes de carro, utilização excessiva e outros traumas podem levar a uma série de lesões nos braços e cotovelos. Várias dessas lesões podem demorar meses para sarar, sendo que a recuperação é mais demorada em adultos do que em crianças.

Outras pessoas estão lendo

Braço quebrado

Dentre as lesões no braço mais comuns estão as quebras e fraturas. Ortopedistas da Midwest, afiliados à Chicago's Rush University Medical Center, dizem que 20% de todas as fraturas de ossos do braço envolvem o osso superior do braço, ou úmero, mas crianças correm mais risco de quebrar ossos inferiores do braço (rádio e ulna). Fraturas em crianças geralmente se curam mais rápido do que o mesmo tipo de fratura em adultos. Barulhos de estralo seguidos de dor extrema, exacerbada, por movimento, caracterizam essas lesões. Esteja preparado para ficar semanas ou até meses engessado. Os médicos podem precisar colocar alguns ossos no lugar antes de colocar o gesso, então prepare-se caso sofra alguma dessas lesões.

Fraturas no cotovelo e olécrano

Fraturas no cotovelo em adultos geralmente decorrem de acidentes de carro e quedas graves. Fraturas ao redor das articulações do cotovelo, em crianças, decorrem quase sempre de quedas em cima do braço enquanto estão brincando. Dor intensa repentina, dormência em um ou mais dedos, irritação e inchaço são sintomas desse tipo de lesão. Golpes aplicados diretamente no cotovelo ou cair em cima do braço encurvado pode quebrar o olécrano, que é a parte pontiaguda do cotovelo. Cirurgia é normalmente necessária em caso de fratura no cotovelo.

Fratura da cabeça radial

Quedas de frente despertam o instinto natural de estender os braços para diminuir o impacto. Esse instinto cria condições ideais para fraturas da cabeça radial. Ortopedistas da Midwest dizem que esse tipo de fratura ocorre em mais ou menos 20% de todos os ferimentos agudos dos cotovelos. Esse tipo de fratura, que envolve quebras no menor osso do antebraço, geralmente é acompanhado por deslocamento do cotovelo.

Lesões em razão de utilização excessiva

A repetição de certas atividades que trazem estresse excessivo aos braços ou juntas do cotovelo podem levar a lesões em razão de utilização excessiva. A bursite, por exemplo, ocorre quando uma bolsa de fluido que protege e lubrifica as juntas incha, trazendo com isso uma grande dor. Tendinite, outra lesão em razão de utilização excessiva, é causada pelo inchaço dos tendões que conectam músculos ao osso. Uma lesão similar, tendinoses, ocorre quando o tecido conectivo nos tendões e em sua volta incham. Às vezes pressão nos nervos dos braços e mãos causam Síndrome do Túnel do Carpo, com sintomas que incluem fraqueza e dormência nos dedos.

Idade com um fator contribuinte

À medida que os adultos envelhecem, eles correm mais riscos de sofrerem fraturas e lesões nos braços ou cotovelos porque possuem menos massa muscular e força nos ossos. Osteoporose é a doença em adultos que envolve a perda de força e densidade dos ossos. Adultos mais velhos geralmente têm menos firmeza em seus pés do que jovens, o que contribui para a ocorrência mais frequente de quedas que causam lesões nos braços e cotovelos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível