A origem da bruschetta

Escrito por riccardo giovanniello | Traduzido por samantha g. silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

A origem da bruschetta (pronuncia-se brusqueta) - aperitivo feito com pão temperado com alho, azeite e tomates picados - é comumente associada à região da Toscana, no noroeste da Itália. Mas as servidas nos restaurantes atualmente, possuem poucos ingredientes em comum com a receita original.

Outras pessoas estão lendo

O que significa?

O termo "bruschetta" deriva do verbo italiano "bruscare", que significa "tostar sobre brasas". Como o nome reflete a técnica de cozimento original, esse antepasto era preparado em um forno à lenha, com pão dormido banhado no azeite e temperado com alho para um toque especial. Os tomates não faziam parte da receita original.

Alimento para os pobres

Originalmente, a bruschetta servia de alimento para os pobres; o pão velho era coberto com azeite para melhorar o sabor. Esse aperitivo mataria a fome de qualquer fazendeiro italiano no campo. No entanto, com o passar dos anos, a bruschetta tornou-se uma iguaria, representando luxo ao invés de necessidade.

O propósito da bruschetta

Depois de ser adotada pelos mais abastados, o papel da bruschetta mudou. Durante a colheita da azeitona, os fazendeiros espalham o azeite recém-fabricado sobre o pão para testá-lo, provando a qualidade da colheita. Não se trata mais da combinação do pão, azeite e alho; a bruschetta tornou-se uma forma de demonstrar o valor do azeite.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível