Passos fáceis para fazer caligrafia gótica

Escrito por jasmine henry | Traduzido por carol matos
Passos fáceis para fazer caligrafia gótica
As canetas de pena são uma ferramenta de caligrafia antiquada (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

A habilidade na caligrafia gótica requer muita prática para o desenvolvimento de proficiência. A caligrafia gótica surgiu na Europa durante a Idade Média. A alfabetização não era comum entre as classes trabalhadoras, e todos os documentos eram escritos à mão. A caligrafia gótica era praticada pelos poucos cidadãos alfabetizados, geralmente monges responsáveis ​​pela duplicação de obras sagradas. A caligrafia antiga pode ser praticada como uma forma de arte moderna.

Adquira os materiais necessários

Adquira os materiais necessários para a caligrafia. Embora alguns praticantes avançados façam a caligrafia com uma pena extremamente precisa, esses instrumentos podem ser muito difíceis para os iniciantes. Adquira uma caneta de caligrafia de ponta de feltro para a prática inicial, pensando em mudar no futuro para uma caneta-tinteiro mais complexa ou uma caneta com cartucho. As canetas com ponta de feltro são vantajosas para o desenvolvimento das competências na formação de letras góticas, já que elas não precisam ser mergulhadas ou preenchidas com tinta.

Pratique os traços

Pratique os traços básicos de caligrafia antes de partir para a construção de letras góticas mais complicadas. A escrita gótica foi artisticamente definida a partir de formas anteriores de caligrafia pela forte consistência e legibilidade. Treine criando traços de espessuras variáveis, objetivando desenvolver uma habilidade sólida para controlar a espessura e a qualidade das linhas. Embora as serifas estejam presentes nas letras góticas desde cedo, pratique mudanças de direção sem emendas e invisíveis com os instrumentos apropriados. Embora o investimento em kits de caligrafia caros ou complexos seja desnecessário, cuide para que o papel fique completamente imóvel ao praticar os traços.

Domínio individual das letras

Depois de se familiarizar com os instrumentos modernos de caligrafia, comece a praticar as letras em estilo gótico. A escrita gótica passou por uma significativa evolução estilística durante a Idade Média, mas o estilo foi definido pela legibilidade sem precedentes. Utilize espaços amplos entre as letras e as palavras. Através da prática, objetive desenvolver a uniformidade na escrita de letras maiúsculas e minúsculas para emular a aparência arrumada da caligrafia gótica. Não desanime. Lembre-se de que o domínio de um estilo de caligrafia requer prática extensiva. Além disso, evite escrever frases complexas antes de dominar a caligrafia das letras maiúsculas e minúsculas.

Expanda a prática

Depois de desenvolver o domínio da caligrafia das letras góticas, incorpore elementos de reconstituição histórica à sua prática. Embora substitutos do papel tradicional, como pele de animal ou casca de cebola, possam representar um desafio desnecessário, avance para a utilização de canetas de caligrafia mais tradicionais, caneta-tinteiro ou em estilo cartucho. Tente fazer letras complexas, multicoloridas ao estilo dos monges e freiras medievais para transformar as peças de caligrafia em obras de arte atemporais. Extrair tintas de legumes e frutas é outra reconstituição histórica desafiadora e gratificante para incorporar à sua escrita.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível