Como fazer uma pesquisa estatisticamente válida

Escrito por michael judge | Traduzido por eduardo chagas
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer uma pesquisa estatisticamente válida
Uma pesquisa válida precisa de preparação cuidadosa antes que você comece a fazer perguntas (Stockbyte/Retrofile/Getty Images)

Uma pesquisa pode lhe dar muitas informações valiosas sobre tudo, desde as preferências de eleitores da próxima eleição até as marcas preferidas de refrigerantes, mas apenas se ela for bem planejada. Uma pequisa bem planejada e estatisticamente válida é uma na qual a amostra de pessoas entrevistadas representa fielmente a maioria da população sobre a qual você quer a informação. Pesquisas válidas também usam perguntas e métodos de questionamento que garantem que as respostas não sejam tendenciosas de nenhuma maneira.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Entreviste um grupo de pessoas que represente a população que você está estudando. Isso significa que as pessoas a quem você pergunta as questões devem refletir a diversidade e alcance geral de toda a população. Por exemplo, se você quiser entrevistar estudantes de um colegial para determinar se eles gostam da comida da lanchonete, você deve incluir estudantes de todas as séries e também certificar-se de incluir aproximadamente números iguais de meninos e meninas. Isso garante que a média dos resultados vai espelhar de forma mais precisa as tendências da população total.

  2. 2

    Garanta que a pesquisa não é tendenciosa. Esse ponto é parcialmente relacionado ao requerimento para uma amostra representativa, mas também é um pouco diferente. O ponto aqui é certificar-se de que você está selecionando pessoas para entrevistas aleatoriamente, ao invés de escolher proposital ou acidentalmente de acordo com algum critério. Para o cenário do colegial, um exemplo de escolha tendenciosa seria só entrevistar alunos que praticam esportes.

  3. 3

    Garanta que a pesquisa não tenha uma tendência de não resposta. Uma tendência de não resposta ocorre quando certo segmento da população entrevistada não responde as questões da pesquisa. Isso pode ser causado pela maneira que você pergunta ou pelas perguntas em si. Se você for perguntar a um grupo de pessoas se elas já roubaram, por exemplo, poucos daqueles que já roubaram responderiam com sinceridade. No exemplo do colegial, se você pedir que os estudantes lhe enviem as respostas por e-mail, só aqueles que têm computadores lhe poderiam responder, o que poderia mudar os resultados da pesquisa.

  4. 4

    Certifique-se de que a pesquisa inclui números de amostra suficientemente grandes. Em qualquer pesquisa, quanto maior a amostra (ou seja, as pessoas que você entrevista), maior a confiança que você terá nos resultados. Apesar disso, pesquisas maiores também custam mais e demoram mais para serem completadas, então elas não podem incluir gente demais. O tamanho exato da amostra que você selecionar deve depender de um número de fatores, incluindo o tipo de pesquisa, mas uma boa regra geral é que um tamanho de amostra mínimo de 100 pessoas vai lhe dar uma margem aceitável de erros nos resultados.

Dicas & Advertências

  • É uma boa ideia testar as opções da pesquisa em um pequeno grupo antes de começar a pesquisa de verdade, para assegurar-se de que as perguntas estão claras e facilmente entendidas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível