Mais
×

Como preparar rim bovino

Atualizado em 22 fevereiro, 2018

Cozinheiros inseguros e consumidores exigentes muitas vezes evitam comer miúdos por causa da fama de suas texturas incomuns e odores estranhos. O rim bovino apresenta essas duas características, mas apenas quando é mal-preparado ou não está muito fresco. Apesar disso, o rim é o principal ingrediente de muitos pratos típicos. Se você comprá-lo fresco e seguir algumas instruções básicas, o bife de rim pode ser uma refeição de sabor memorável.

A torta de carne e rim é uma especialidade inglesa (Monkey Business Images/Monkey Business/Getty Images)

A importância do preparo

O rim é bastante perecível, por isso você deve ser comprar e usá-lo no dia que foi embalado. Sua função no corpo é eliminar urina, mas esse odor característico é ameno em rins frescos. Use uma faca afiada para remover toda a pele, e depois divida o rim em dois ou em quatro ao comprido e corte a parte grossa de gordura. Fatie o rim. Para tirar o gosto e o cheiro forte, deixe de molho por duas horas em água fria e salgada ou em leite. Ou então, escalde-o rapidamente em água fervente e depois deixe secar em um escorredor por 30 minutos.

A opção rápida

O rim de cordeiro ou de vitelo, que tem um sabor mais suave, costuma ser grelhado ou refogado, mas isso é arriscado com o rim bovino. Seu forte sabor exige temperos igualmente fortes, e ele deve ser cozido bem rápido para evitar que endureça. O calor da pimenta, ervas fortes, como alecrim e sálvia fresca, e o toque assertivo e ácido do molho Worcestershire são boas opções. Primeiro, aqueça vegetais aromáticos, como cebola e alho, ou temperos secos, como pimenta, em óleo. Depois acrescente as fatias de rim e ervas frescas; refogue até ficar no ponto.

A opção lenta

Assim como a lula, o rim pode ser cozido bem rápido para continuar macio, ou pode ser bastante cozido até ficar macio de novo. O cozimento longo e lento é a técnica de preparo mais comum do rim bovino, pois permite que seu sabor estranho seja suavizado. Corte o rim em fatias para fazer um refogado, ou em bocados para fazer um ensopado. Seque levemente na farinha e doure sobre a boca do fogão. Em seguida, cozinhe em fogo brando com água ou deixe formar um caldo -- vinho, cidra e cerveja escura são bons ingredientes -- até amaciar. Se estiver preparando um ensopado, acrescente vegetais, e depois engrosse o caldo para ficar com um molho mais rico.

Reaproveitando o rim

Depois de macio, o rim em si pode ser um prato, ou pode ser tratado como ingrediente de um prato maior. Por exemplo, ele pode ser misturado a uma carne que também foi refogada lentamente para fazer uma torta de carne e rim, uma iguaria britânica. Além disso, você pode acrescentar o rim cozido a um prato que não pode levá-lo cru. Fatie ou corte em cubos a carne cozida e coloque em um refogado bem temperado. Pedaços de rim enrolados em bacon e grelhados até ficarem crocantes é um bom aperitivo. Também ficam bons cobertos com cebolas e cogumelos, como prato principal.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article