Como reconhecer os sintomas do transtorno de personalidade borderline

Escrito por kathy schlossmacher | Traduzido por ana rodrigues
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como reconhecer os sintomas do transtorno de personalidade borderline
A dor de transtorno do personalidade borderline (www.bpd.org)

Um transtorno de personalidade é um padrão de experiência interna e comportamento que é um desvio da cultura ou costume de um paciente. Este desvio pode ser grave, e os comportamentos, que geralmente aparecem pela primeira vez na adolescência, muitas vezes tornam-se penetrantes e inflexíveis. Cada doença tem sintomas e comportamentos específicos. Leia mais para aprender sobre alguns dos sintomas associados à TPB (transtorno de personalidade borderline).

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Observe um padrão invasivo de dificuldades nos relacionamentos interpessoais, autoimagem pobre e um comportamento impulsivo que começa no início da idade adulta e continua ao longo de toda a vida. Entre os sintomas específicos que seguem, a pessoa deve apresentar ao menos cinco deles para ser considerado portador do transtorno.

  2. 2

    Note se o paciente aparenta medo do abandono, seja ele real ou imaginário. Os pacientes, muitas vezes, dizem às pessoas importantes, terapeutas ou médicos para não abandoná-los, ou acusam-os de deixá-los injustamente.

  3. 3

    Procure um padrão de relações pessoais instáveis ​​e intensas que pareçam ser as relações ideais em um ponto e relações de ódio no outro. Isto é chamado de "splitting", ("divisão", em português) e pode fazer parte de qualquer relação.

  4. 4

    Verifique se existe uma autoimagem instável. Os pacientes muitas vezes queixam-se de não conhecerem a si mesmos ou até mesmo não terem uma noção de si.

  5. 5

    Procure por tentativas de suicídio recorrentes e/ou reatividade de humor que seja instável. Essas oscilações de humor podem incluir irritabilidade, ansiedade ou simplesmente intensidade de sentimento/humor.

  6. 6

    Observe raiva inadequada ou muito intensa. O paciente pode ser incapaz de controlar essa raiva ou fazê-la se dissipar.

  7. 7

    Confira todos os comportamentos autoprejudiciais como o excesso de gastos, comer em excesso, abuso de substâncias, direção imprudente ou comportamento autoprejudicativo.

Dicas & Advertências

  • É importante perceber que quando você nota pelo menos cinco destes sintomas, há um forte impulso para procurar tratamento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível