Como remover os pelos do porco antes de assar

Escrito por hannah wahlig | Traduzido por daniel tamayo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como remover os pelos do porco antes de assar
Os porcos estão cobertos de pelos ásperos (pig image by Leonid Nyshko from Fotolia.com)

O porco assado é uma tradição culturas das Filipinas e de Cuba, mas muitas famílias ao redor do mundo celebram aniversários, feriados e casamentos com um porco assado inteiro. Esse prato tem um efeito dramático na festa, e para ficar bom depende da preparação e cozimento adequados. Uma das partes mais gostosas é a pele crocante e caramelizada. Para conseguir a pele crocante perfeita, o chefe deve antes remover o pelo áspero que cobre o suíno. Depois do porco ser abatido, remova os pelos antes de assar.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

O que você precisa?

  • Barril de 200 litros
  • 2 dormentes de madeira, ou duas peças de madeira de 21 cm por 17,5 cm por 22,5 cm
  • 2 correntes pesadas, cada uma com 4,5 metros de comprimento
  • Lenha preparada
  • Isqueiro ou fósforos
  • Termômetro de leitura instantânea
  • 4 chaleiras grandes
  • Mesa dobrável de 75 cm por 180 cm
  • Lona de plástico de 90 cm por 195 cm
  • Escova rígida com cabo longo
  • 2 pares de luvas resistentes para trabalho
  • Maçarico manual com ponta para ajustar a chama
  • Raspador esférico
  • Lã de cobre

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Prepare o local de escaldo em uma área externa. Monte a mesa dobrável em uma superfície rígida e cubra com a lona plástica. Coloque as duas correntes através da largura da mesa, aproximadamente a 5 cm de distância uma da outra. Ajuste as correntes de modo que fiquem penduradas uns 30 cm ao longo da borda de um lado.

  2. 2

    Determine a localização da fogueira. Coloque a ponta mais comprida das correntes no chão atrás da mesa. A fogueira deve ser colocada aproximadamente um terço do caminho a partir da ponta da corrente, entre a mesa e a ponta.

  3. 3

    Monte a fogueira. Espalhe as correntes para criar um espaço para a fogueira. Coloque várias pedras grandes e planas em um círculo, ou use um anel de ferro apropriado para isso. Preencha o centro do anel com vários pedaços de lenha. Coloque dois dormentes de madeira através do topo do anel, de forma perpendicular à posição da corrente.

  4. 4

    Acenda o fogo com um isqueiro ou fósforos e deixe queimar por uma hora. Revolva o fogo com um atiçador para expor as brasas quentes.

  5. 5

    Coloque o barril sobre os dormentes, sobre a fogueira. Encha com dois terços de água limpa; use água morna ou quente se possível. Coloque o termômetro na água.

  6. 6

    Coloque várias chaleiras cheias em um fogão próximo para aquecer. A água será usada para substituir a do barril, elevando a temperatura caso ela decaia.

  7. 7

    Use várias pessoas fortes para colocar a carcaça do porco na mesa, sobre as correntes. Ajuste as correntes embaixo da carcaça, de forma que ela fique centralizada e não irá rolar quando for levantada.

  8. 8

    Monitore a temperatura da água até que o termômetro marque 68°C. Escaldar o porco requer uma temperatura entre 65°C e 71°C. Quando ela atingir por volta de 68°C, prepare o porco para ser escaldado.

  9. 9

    Erga as pontas das correntes sobre o barril aquecido. Peça que duas pessoas fortes segurem as pontas das correntes enquanto o porco é rolado para o barril.

  10. 10

    Role o porco para o barril aquecido. Peça que duas pessoas segurem as pontas menores das correntes e levantem ao mesmo tempo, para que o porco role. Uma outra pessoa pode ser necessária para girar a carcaça levemente de modo a caber no barril. Desça o porco até que fique completamente submerso.

  11. 11

    Monitore a temperatura da água durante o escaldo de cinco minutos. Acrescente água da chaleira se necessário. Não exceda os 71°C, já que o calor excessivo vai começar a cozer a carne. Use uma escova rígida de cabo longo para soltar os pelos enquanto o porco está submerso.

  12. 12

    Remova o porco depois de cinco minutos. Coloque-o de volta na mesa, usando o método contrário ao passo 10 para rolar pela corrente. Leve as pontas compridas da corrente de volta à mesa e peça que duas pessoas fortes segurem-nas. Role o porco para fora do barril, pedindo que duas pessoas com luvas de proteção levantem as pontas curtas das correntes. Continue levantando a corrente de forma que a carcaça fique suspensa até chegar na mesa.

  13. 13

    Raspe contra o sentido do pelo, usando o raspador esférico para remover o pelo. Role a carcaça do outro lado e remova todos os pelos. Use um pedaço de lã de cobre para remover os pelos mais teimosos.

  14. 14

    Aproxime-se da carcaça com um maçarico colocado a vários centímetros longe da pele do porco. Mova rapidamente para evitar queimar a pele. Raspe o pelo queimado.

Dicas & Advertências

  • Os porcos também podem ser movidos com um sistema de polias e um gancho, mas você deve ter um galho ou sistema de suporte forte o suficiente para pendurá-lo.
  • Grandes suínos podem precisar de um barril maior.
  • Alguns aquecedores domésticos podem produzir água a 68°C. Se o seu equipamento pode produzir água nessas temperaturas, você não precisa de uma fogueira, mas prepare chaleiras para manter a temperatura alta durante o processo.
  • Pode-se retirar os pelos dos porcos com uma navalha afiada e água quente, mas o processo não é preciso e demanda muito tempo.
  • Os porcos são pesados e difíceis de mover. Qualquer um com problemas ósseos ou musculares não deve tentar.
  • Monitore a fogueira o tempo todo.
  • A água fervente pode sair das bordas do barril quando o porco for mergulhado. Tome cuidado para evitar queimaduras.
  • Se você não estiver confortável para escaldar o porco, peça que o açougueiro remova os pelos antes de assar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível