Taxidermia de peixes passo a passo

Escrito por lauren wise | Traduzido por sergio mosquim junior
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Taxidermia de peixes passo a passo
Qualquer animal pode passar por um processo de taxidermia.

As pessoas podem fazer taxidermia em um peixe por ele ser um objeto valioso, uma ótima pesca ou, simplesmente, por gostarem de peixes. Este processo prevalece entre caçadores e pescadores e pode se tornar algo bem caro caso um profissional tenha que fazer o trabalho para você. Aprender a fazer taxidermia em um peixe pode ser um processo recompensador e econômico.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Câmera
  • Peixe fresco
  • Faca de filetar ou estilete para taxidermia
  • Agulha e linha de pesca
  • Seringa grande
  • Produtos químicos de preservação em solução
  • 450 g de Boráx
  • Punhado de lã
  • Vara de madeira do tamanho do peixe
  • Luvas
  • 900 g de serragem
  • Esponja
  • Pano macio
  • Escova
  • Tábua de metal ou madeira
  • Lã de fibra de vidro (pequena quantidade)
  • Olho falso de peixe
  • Silício, tinta e verniz

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Tire fotos do peixe enquanto ele ainda estiver vivo e poucos minutos após sua morte para capturar os detalhes de seu corpo e cores. Isto ajudará quando você precisar pintar o corpo mais tarde.

  2. 2

    Use uma faca de filetar afiada ou um estilete de taxidermia para cortar uma linha reta ao longo das linhas laterais de cada lado do peixe. Retire a pele da carne lenta e cuidadosamente. Você está, tecnicamente, retirando a pele do peixe, mas lembre-se de que você irá precisar da pele intacta. Trabalhe de lado a lado. Corte e retire a pele lentamente da linha do meio até o topo do corpo, cauda e cabeça. Então, puxe toda a pele em direção a cabeça, como você faria com uma luva ou meia. Você terá um peixe oco com cabeça intacta, cortado lateralmente do meio da cabeça até a cauda.

  3. 3

    Certifique-se de limpar o máximo possível de carne da parte de dentro da pele para deixá-la preparada para os produtos químicos. Retire os olhos e o cérebro.

  4. 4

    Injete uma seringa de materiais de preservação como éters glicólicos ou etanol. Injete nas porções da cabeça e cauda do peixe, onde existe a maior quantidade de carne. Quais conservantes você irá usar dependerá do peixe que você estiver montando. Para esta etapa, um especialista em taxidermia pode lhe ajudar.

  5. 5

    Use alguns punhados de Boráx em pó e espalhe pelo interior do peixe para ajudar na preservação. Esfregue um pouco do Boráx na parte interna da cauda e da cabeça. Esfregue bem e fique atento para rachaduras e aberturas.

  6. 6

    Use um pouco de linha de pesca com agulha para costurar a carne, começando na cauda. Use pontos normais, onde você insere a agulha, a puxa do outro lado e a coloca através da carne, repetidamente. Costure o peixe até as guelras.

  7. 7

    Coloque serragem na parte inferior da cauda do peixe, enchendo, lentamente, todo o peixe. Preencha cada abertura que você puder com a serragem, usando um pequeno palito para ajudar a deixá-lo firme. Isto cria a forma do peixe do modo como quiser. Estufe a cabeça com lã e serragem. Costure a outra seção do peixe, amarre e corte a linha.

  8. 8

    Molde seu peixe da maneira como quiser, levantando a cauda e curvando o corpo. Você pode moldá-lo sentado. Então, use uma escova e esponja para remover resíduos do corpo do animal, para que nenhuma serragem seque sobre o peixe. Isto é muito importante, pois se a serragem secar sobre o peixe, ela pode arruiná-lo.

  9. 9

    Posicione as barbatanas da maneira como quiser usando um papelão grosso e o colocando nas barbatanas molhadas que estão em pé.

  10. 10

    Preencha os olhos com uma pequenas quantidade de fibra de vidro para agir como base. Use um olho de vidro e o insira no molde de fibra.

  11. 11

    Deixe o peixe secar por, pelo menos, um mês. Pode ser muito demorado, mas, para que pareça o mais realista possível, ele deve secar lenta e cuidadosamente. Quando estiver seco, você pode cobri-lo com uma camada de silício para selá-lo e deixá-lo mais profissional. Use as fotos tiradas para pintar o peixe, e você pode envernizá-lo se quiser.

  12. 12

    Coloque seu peixe em uma tábua de madeira ou metal e pendure em sua parede.

Dicas & Advertências

  • Não apresse a secagem do peixe se você quiser que ele fique o mais realista possível.
  • Certifique-se de deixar as barbatanas úmidas até o final do processo, para que elas não sequem e acabem rachando.
  • Sempre tome cuidado ao trabalhar com produtos químicos, fibra de vidro e materiais afiados.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível