×
Loading ...

Que tipos de doenças os humanos podem adquirir dos animais?

Atualizado em 17 abril, 2017

A Organização Mundial de Saúde define "zoonoses" como doenças ou infecções que seres humanos podem contrair de animais, e vice-versa, e aquelas nesta categoria são chamadas de doenças zoonóticas. Estas envolvem agentes infecciosos que podem ser adquiridos diretamente dos contato com os animais ou com o ambiente, e podem ser classificadas de acordo com o agente causador.

Animais podem ser fontes de doenças que afetam a seres humanos (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Vírus

A raiva é uma infecção viral comum que ataca o sistema nervoso central e o cérebro. O vírus é tipicamente transmitido através de mordidas ou arranhões, pelos quais a ferida aberta permite a entrada do vírus no corpo. A Secretaria de Saúde e Atendimento aos Idosos do Missouri mostra que entre 7 e 8 mil animais infectados com o vírus da raiva são encontrados por ano, nos Estados Unidos. A raiva é comum em guaxinins, gambás, roedores, gatos, cachorros e morcegos.

O vírus do oeste do Nilo é outra infecção viral comum em seres humanos que se origina de pássaros e mosquitos. A Secretaria de Saúde e Atendimento aos Idosos do Arizona indica que 80% das pessoas afetadas não apresentam sintomas, enquanto as outras 20% apresentam alguns parecidos com os da gripe. Outras doenças virais são a gripe aviária, ebola, a febre hemorrágica de Crimeia Congo, herpes e febre do Vale do Rift.

Loading...
Guaxinins podem ser transmissores da raiva (Hemera Technologies/Photos.com/Getty Images)

Bactérias

Doenças transmitidas por alimentos costumam ser causadas por agentes bacterianos, como a salmonela e a campilobacteriose, doenças que podem causar diarreia, mal-estar, febre, dor abdominal e náuseas. Antraz, leptospirose, febre Q, disenteria bacteriana, brucelose, Escherichia coli, peste e tularemia são outros exemplos de zoonoses bacterianas.

Muitas cepas de bactérias tornaram-se resistentes a antibióticos, resultando na propagação descontrolada da infecção. A industrialização da produção de alimentos também pode aumentar os risco de contaminação.

Infecções do trato urogenital, gastroenterites, artrites, linfadenites, infecções intestinais e meningites são outros sintomas que podem ocorrer devido à infecção bacteriana.

Vacas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Parasitas

Infecções parasíticas podem causar convulsões, doenças do intestino irritável e dores de cabeça. Zoonoses parasíticas comuns incluem a triquinose, equinococose e trematodiasis, e crianças são mais suscetíveis a esses tipos de doença. Adultos com o sistema imunológico comprometido e cuja profissão exige exposição à doença também estão no grupo de risco.

Infecções em humanos costumam ser adquiridas através da ingestão dos ovos do parasita ou por uma picada de inseto. A penetração na pele através dos pés descalços também é comum. Outras formas de infecções parasíticas incluem tênias, lombrigas e áscaris. Um ambiente contaminado e hábitos ruins de higiene expõem qualquer pessoa ao risco de uma infecção parasítica.

Alguns parasitas podem entrar na pele através dos pés descalços (Comstock Images/Comstock/Getty Images)

Fungos

Zoonoses fúngicas normalmente afetam à pele, unhas e cabelos dos seres humanos, apresentando sintomas como coceiras, descamação, vermelhidão e queda de cabelo. A esporotricose é uma doença comum encontrada em gatos e que causa infecção micótica na pele dos humanos. Os lugares afetados pelas zoonoses fúngicas podem ser superficiais, cutâneos, sub-cutâneos e sistêmicos. As camadas mais exteriores da pele e do cabelo são envolvidas por infecções superficiais, enquanto as unhas, pele e cabelos são afetados pelas cutâneas. O fungo se instala na pele, causando lesões que afetam às camadas mais profundas da pele e músculos, no caso de infecções sub-cutâneas. Já a infecção sistêmica envolve o espalhamento do fungo para os pulmões ou outros órgãos, levando a infecções pulmonares.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...