Tipos de hormônios de crescimento usados em animais

Escrito por savannah groeneveld | Traduzido por flávia fernanda
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tipos de hormônios de crescimento usados em animais
Os hormônios de crescimento são usados por pecuaristas para aumentar seu rebanho (Comstock/Comstock/Getty Images)

A dependência do mundo em produtos de carne bovina criou um problema que poderia crescer para paralisar a indústria de carne. Com a crescente demanda, os pecuaristas devem produzir mais produto. Isso significa a criação de mais mercadorias. Isso pode não parecer um problema, até você levar em conta o fato de que aquele gado adicional deve ser alimentado, e o preço para cereais forrageiros sobe a cada ano. Então, o que um pecuarista faz para reduzir o custo, mas aumentar seu rebanho? Ele implanta hormônios em sua mercadoria.

Outras pessoas estão lendo

História

O uso de hormônios de crescimento em animais surgiu na década de 1950 com a introdução do DES (dietilestilbestrol) como um aditivo em alimentos. Quanto menos alimento um fazendeiro tiver que comprar, mais dinheiro eles pode poupar. Mais tarde, o DES foi produzido como uma pastilha que foi implantada entre o maxilar e o ouvido da vaca, onde ela iria liberar lentamente o hormônio durante um período máximo de 120 dias. Uma vez que os 120 dias tenham decorrido, uma nova pastilha seria implantada. Essas pastilhas foram vistas como um grande avanço na indústria de carne bovina. Infelizmente, na década de 1970, foi descoberta que a utilização contínua do DES poderia causar câncer em fetos. O uso de DES e implantes de hormônio de crescimento foi banido rapidamente.

Eventualmente, um novo tipo de implante foi desenvolvido, um que causa ao animal um aumento de seus próprios níveis hormonais. Esses novos implantes não receberam aprovação, até que foram comprovadas que não causam defeitos congênitos, ou qualquer outro efeito prejudicial.

Hormônios naturais de crescimento

Um dos mais populares implantes de crescimento são os que ocorrem naturalmente na vaca. Esses implantes naturalmente desencadeiam no animal para aumentar seus próprios níveis hormonais, sem quaisquer efeitos colaterais negativos. Desde que estes hormônios já estão ocorrendo naturalmente no animal, muitos defensores incentivam o uso de apenas hormônios de crescimento natural.

Hormônios exógenos de crescimento

Outro hormônio largamente usado é o estrógeno. Esses implantes não são feitos a partir do estrógeno que ocorre naturalmente nos animais, mas são fabricados a partir do mofo encontrado no milho. Esses implantes aumentam os níveis de estrógeno em vacas em 25%, o que incentiva a maturidade mais rápido.

Combinação de hormônios para crescimento

A combinação de hormônios de crescimento é uma mistura de hormônios produzidos naturalmente e hormônios exógenos. Em 1994, um novo produto foi criado quando o estradiol (o hormônio feminino natural que produz estrógeno) foi combinado com hormônios androgênicos produzidos que simulam os efeitos da testosterona.

Advertências

Os hormônios são usados para acelerar a maturidade física do gado. Pois esses hormônios estimulam os hormônios naturais presentes no gado, ciclos reprodutivos podem ser adulterados resultando em ciclos de ovulação mais curtos ou ausentes. Por causa disso, hormônios de crescimento são recomendados para uso em novilhas destinadas à procriação. Além disso, muitos defensores de alimentos orgânicos reúnem-se contra a utilização de hormônios de crescimento em vacas leiteiras, devido ao fato de que os hormônios são transferidos para o leite, e o leite é consumido em grandes quantidades pelo público.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível