×
Loading ...

Tratamento de água com permanganato de potássio

Atualizado em 21 julho, 2017

O permanganato de potássio, ou KMnO4, é um produto químico inorgânico usado para tratar a água potável com odores de ferro, manganês e enxofre. Ele pode ser usado como desinfetante também, mantendo a água potável livre de bactérias nocivas. As instalações de água potável geralmente o usam na parte inicial do tratamento para reduzir a quantidade de desinfetantes posteriores, como os compostos clorados, que devem ser usados.

Remoção de ferro e manganês

Se a quantidade de oxigênio na água potável estiver baixa, o ferro e o manganês podem permanecer na solução, causando cores escuras e podendo ser prejudiciais aos encanamentos e lavanderia. O permanganato de potássio é comumente usado para removê-los. Ele oxida o ferro e o manganês, fazendo os metais precipitarem na solução. O ferro é convertido de um estado ferroso — mais dois elétrons — a um estado férrico — mais três elétrons — enquanto o manganês é convertido de um estado mais dois a um estado mais quatro. Essa reação leva de cinco a 10 minutos na água potável com pH igual ou maior que 7.

Loading...

Controle de odores

A matéria orgânica pode causar odores desagradáveis na água potável. Os exemplos disso podem ser encontrados especialmente em águas retiradas de lagos e poços. O permanganato de potássio pode ser usado para neutralizar esses odores e desinfetar a água ao mesmo tempo. O KMnO4 para tratamento de água pode ser encontrado em lojas de produtos químicos ou de piscinas; sua forma pura pode ser tóxica e perigosa. Um profissional na área de tratamento da água e regulação deve ser consultado antes de tratar qualquer água potável por conta própria.

Controle de espécies incômodas

Foi descoberto que o permanganato de potássio pode controlar algumas espécies de moluscos de água doce que permeiam os reservatórios de água. Os moluscos asiáticos, por exemplo, podem ser controlados com uma concentração de permanganato de potássio de 1,1 a 4,8 mg/L. Ele também é útil para matar o mexilhão zebra, outra espécie invasora, e a concentração necessária para isso é de aproximadamente 0,5 a 2,5 mg/L.

Redução de subprodutos de desinfecção

O permanganato de potássio é muito valioso como desinfetante de água potável. Infelizmente, seu custo-benefício não é tão efetivo quanto outros desinfetantes mais usados, como os reagentes clorados. Os subprodutos dos reagentes clorados podem ser prejudiciais em níveis elevados. A minimização de sua produção é essencial para todos os fins de tratamento de água. Quando utilizado na primeira etapa do tratamento, o permanganato de potássio oxida os compostos orgânicos que tendem a criar subprodutos prejudiciais mais à frente no processo. Essa é uma maneira que as estações de tratamento de água podem usar o permanganato e os reagentes clorados em conjunto e a um custo baixo.

O processo de tratamento

Os especialistas em tratamento de água determinam a concentração adequada da solução de permanganato de potássio para cada caso específico. Essa solução é injetada na entrada de água da estação de tratamento, onde a água entra no sistema. Isso pode ser um tubo, reservatório ou outro dispositivo de contenção de água. O ponto de injeção está longe o bastante dos filtros, dando tempo para que o permanganato de potássio reaja com o ferro, manganês e matéria orgânica. Dessa forma, quando a água atinge os filtros, todo o precipitado da reação anterior será removido. A água continua pelo resto do processo de tratamento.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...