Tratamento para tornozelo torcido

Escrito por lisa parris | Traduzido por vivian rocha
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tratamento para tornozelo torcido
Tenha cuidado com suas articulações (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Uma torção do tornozelo não soa tão mal assim, mas dependendo de quanto tempo dura e de quanto peso é colocado sobre ele no momento da lesão, pode facilmente levar à inchaço, dor, descoloração e uso limitado do pé. Girar ou deslocar os ossos do tornozelo além do limite de amplitude do movimento normal pode danificar os tendões e ligamentos que reforçam a articulação. A ação é geralmente muito abrupta, esticando as estruturas de apoio ou até mesmo rasgando-as completamente.

Outras pessoas estão lendo

Avaliação

Antes que você possa tratar uma torção no tornozelo, deve fazer o seu melhor para avaliar a extensão da lesão. Tente ficar em pé com a perna ferida. Se você puder suportar o peso sobre o tornozelo torcido, existem boas chances de ele não estar quebrado. Depois de testar a força do tornozelo, sente-se e inspecione visualmente os danos. Uma coloração púrpura ou azulada na área machucada indica um maior grau de dano do que uma avermelhada. Tente mover lentamente o tornozelo para ambos os lados ou girá-lo, fazendo um círculo, parando quando sentir dor ou for incapaz de completar o movimento. Se você ainda consegue se mover bem e só está com um leve inchaço, desconforto e vermelhidão, seus ligamentos provavelmente não estão rasgados, no entanto, se este não for o caso e seus sintomas forem mais graves, o tratamento em casa pode ser ineficaz, exigindo cuidado médico profissional.

Tratamento

Uma vez que você já tenha estimado a extensão do dano causado ao seu tornozelo, comece o tratamento, que é baseado em repouso, gelo, compressão e elevação. Imobilize o tornozelo e dê aos tecidos moles da área afetada tempo para se recuperar. Enrole compressas de gelo em toalhas e coloque-as sobre a área lesada para reduzir o inchaço e ajudar a minimizar a dor. Não mantenha o gelo na lesão por mais de 15 minutos para evitar o congelamento da pele, que poderia danificar ainda mais o tornozelo. Depois de usar o gelo, enrole a articulação com uma bandagem de compressão para ajudar a prevenir o acúmulo de líquido nos tecidos danificados. E, finalmente, mantenha o tornozelo elevado o máximo possível. Isso facilitará a circulação em toda a área, reduzindo o tempo de recuperação.

Reabilitação

Depois de sete dias de repouso do tornozelo, comece a exercitá-lo suavemente para melhorar a resistência e flexibilidade da área lesionada. Comece estendendo a perna, segurando-a ligeiramente elevada do chão. Flexione o tornozelo, puxando seu pé em direção ao seu corpo e segurando por cerca de dois segundos. Em seguida, estenda o tornozelo, apontando os dedos dos pés o mais longe possível de você. Segure esta posição por dois segundos e repita, realizando o exercício 20 vezes. Em seguida, sente-se ereto em uma cadeira confortável e cruze as pernas colocando o tornozelo machucado em seu joelho. Tonifique seu tornozelo ferido com o pulso e use o seu dedão do pé para fazer todas as letras do alfabeto. Repita este exercício pelo menos três vezes por dia até que seu tornozelo esteja totalmente recuperado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível