Mais
×

Como tratar um cão com um tendão ou ligamento rompido

Atualizado em 20 julho, 2017

O rompimento de tendões ou ligamentos é uma lesão comum em cães de meia idade ou acima do peso. Um escorregão ou uma queda seguidos de uma corrida e pulos podem provocar lesões nos tendões e ligamentos. Os cães normalmente choram após sofrer esse tipo de machucado, mas outros sinais podem incluir o animal não aguentar peso nas patas, parecer manco ou apresentar inchaço nas articulações. Felizmente, há muitas coisas que podem ser feitas para tratar seu cachorro com tendão ou ligamento rompido e deixá-lo mais confortável.

Instruções

Repouso é uma parte importante do tratamento do cão (dog image by Trav from Fotolia.com)
  1. Leve o animal ao veterinário assim que possível para avaliar a situação e evitar maiores lesões. O profissional examinará o cão posicionando sua mão na coxa do animal e mexendo a tíbia para constatar movimentos anormais que indiquem lesões nos tendões ou ligamentos. Este procedimento normalmente é feito sob anestesia ou sedação, pois pode ser muito dolorido. Ultrassom ou artroscopia também podem ser realizados para obter um diagnóstico mais preciso.

  2. Decida se seu cão deve ou não passar por cirurgia. O procedimento cirúrgico é normalmente indicado para cachorros de raças grandes, ou no caso do rompimento completo do tendão ou ligamento. Alguns possíveis procedimentos incluem o uso de um material sintético ou até uma porção do tecido conjuntivo fibroso do próprio animal para reconstituir o ligamento, cortar a tíbia e recolocá-la em um ângulo diferente para aliviar a pressão sobre a articulação lesada ou suturar tendões rompidos. O tempo de recuperação da cirurgia é longo, de aproximadamente duas semanas de repouso absoluto e de quatro a seis semanas apenas com movimentos leves.

  3. Controle as atividades do animal por 8 a 12 semanas se você optar por não fazer cirurgia. Arruma uma caixa ou cama para o animal descansar. Uma caixa normalmente é a melhor opção, pois assim o cão não precisa de supervisão constante, mas o mais importante é o conforto. Certifique-se de que o animal está rodeado por seus brinquedos favoritos e receba elogios por seu bom comportamento. Andar é uma boa atividade de baixo impacto que pode ser controlada mantendo o cachorro em uma coleira. Natação e hidroginástica também podem ajudar na reabilitação.

  4. Mantenha o animal sob uma dieta de baixa caloria se ele estiver acima do peso. O excesso de peso é a causa da maiorias dos rompimentos em tendões e ligamentos e pode agravar a lesão. Seu veterinário deve recomendar uma boa dieta apropriada para as necessidades específicas de cada animal.

  5. Providencie medicações e suplementos se for preciso. Em caso de inchaço excessivo, o veterinário provavelmente receitará um anti-inflamatório, como carprofeno, etodolac ou meloxicam. Suplementos que contribuam para a saúde das articulações, como glucosamina e condroitina também podem ser benéficos.

Dicas

  • Lesões de tendões e ligamentos podem ser prevenidas mantendo o cão com coleira quando for caminhar, dando a ele tempo para se aquecer antes de exercícios mais intensos e impedindo que o animal se alongue demais.

Aviso

  • Sempre consulte um veterinário e leia atentamente as instruções quando for administrar medicação ou suplementos.

O que você precisa

  • Coleira
  • Caixa ou cama
  • Medicamentos anti-inflamatórios
  • Suplementos para articulações
  • Brinquedos de cachorro
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article