Usos para caules da bananeira

Escrito por michaelyn erickson | Traduzido por daniel tamayo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Usos para caules da bananeira
Um tipo de banana (plantain image by TA Craft Photography from Fotolia.com)

O caule da bananeira contem fibras ricas em qualidades medicinais. O nome científico dessa planta é Musa x paradisiaca. Você pode usar o caule e a casca para fazer chá, apesar do gosto ser amargo. Eles também podem ser preparados em comidas, como saladas ou fazendo parte de receitas. O valor medicinal do caule da bananeira inclui: ser antifúngico, antibactéria e ter propriedades que melhoram a digestão.

Outras pessoas estão lendo

Diurético natural

Como um diurético natural, as fibras do caule da bananeira ajudam o trato urinário e o funcionamento do sistema digestivo como um todo. Essa planta estimula os rins, de acordo com o Active Liquid Wellness, e ajuda a filtrar toxinas no corpo. O bom funcionamento dos rins é a chave para a filtração do ácido úrico, baixos níveis de colesterol e coagulação do sangue. Os benefícios gastrointestinais do caule da bananeira também são numerosos: a Purdue University diz que a casca, o caule e as raízes dessa planta são usados para tratar problemas de digestão como diarreia, lesões no estômago e disenteria. Os traumas associados com o tratamento quimioterápico causam problemas no estômago; o caule fibroso da bananeira ajuda a proteger a parede do estômago de tais traumas e da náusea resultante.

Síndrome de Crohn

De acordo com o Dr. John Z, de Wellsphere, a fibra da bananeira pode ajudar a tratar a síndrome de Crohn. Essa síndrome causa inflamação intestinal crônica, sangramento e diarreia. Ela também enfraquece a habilidade do indivíduo de lutar contra uma invasão de bactérias no trato intestinal. Em uma pessoa com essa síndrome, os níveis da bactéria E. Coli são mais altos que o normal, e podem se tornar perigosos. A fibra da planta tem propriedades antibactérias e que ajudam na cura gastrointestinal, ambas úteis para combater os sintomas da síndrome. De acordo com o artigo da Wellsphere, a Campbell University está desenvolvendo um alimento com base em fibras de bananeira para ajudar a tratar essa doença. A norepinefrina, dopamina e serotonina também são encontradas nas fibras; esses químicos suavizam os músculos do estômago, estimulam o intestino e inibem a secreção intestinal.

Antibactéria

A casca, o caule e a polpa da banana tem habilidades antibióticas e antifúngicas, de acordo com a Purdue Universtity. Os antigos astecas usavam o caule da bananeira pra tratar ataques de asma e tuberculose. Além de atacar as bactérias que causam a tuberculose, as fibras também aliviam os sintomas como a congestão e a produção de muco. De acordo com Herbs2000, as fibras da bananeira ajudam a remover congestões e infecções no ouvido médio. As propriedades antibactérias das fibras podem ajudar a combater a síndrome de Cohn, ao prevenir que a E. coli no estômago do paciente seja transportada através do corpo, de acordo com o Wellsphere.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível