Mais
×

Vestimenta de reis e rainhas da Idade Média

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

A Era Medieval abrangeu um vasto período de tempo, de aproximadamente 1066 até 1485, e foi um momento eletrizante para a moda, especialmente para a realeza. O sistema feudal estava em pleno funcionamento na Europa e suas leis suntuosas mantinham as mais finas vestimentas longe dos camponeses e das pessoas de classes mais baixas. Os elaborados trajes para os reis e rainhas medievais eram feitos apenas dos mais finos tecidos e das cores mais vivas.

Reis e rainhas vestiam roupas luxuosas durante o período medieval (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Cores

Os sistemas de tingimento de roupas eram muito caros na época e apenas a nobreza era capaz de adquirir tal luxo. Reis e rainhas costumavam escolher as cores mais intensas de azul e vermelho, sendo este proveniente de um inseto encontrado no Mediterrâneo. O verde era criado a partir do líquen e, para o azul, era utilizado o extrato fermentado das folhas de uma planta denominada Pastel (Isatis tinctoria L.).

Tecidos

Os tecidos para a realeza, tais como veludo e seda, eram geralmente importados, e apenas a realeza era autorizada a usar ouro e seda da cor roxa. As Cruzadas tiveram um tremendo impacto na moda devido à importação de muitos tecidos exóticos para a Europa, como o cetim. Peles de animais eram populares, principalmente pele de raposa e a do arminho, uma espécie de doninha.

Camadas

A vestimenta da realeza e da nobreza feminina consistia de muitas camadas. Suas roupas íntimas eram compostas por calças, meias-calças, camisola e cobertas por uma anágua de linho ou seda. Em cima da saia, vinha um longo vestido que fluía para trás da mulher nobre e esse vestido era coberto por uma túnica luxuosa. Sapatos especiais eram utilizados dentro do castelo e outros pares, feitos de madeira e couro, eram utilizados para passeios e ao ar livre.

Decoração

A realeza adornava suas roupas com rendas, bordados e pedras preciosas para trazer mais requinte para seu guarda-roupa. As peles de animais enfeitavam as mantas das mulheres e os punhos das camisas dos homens. A mulher da realeza geralmente cobria seus cabelos com mantas de seda, mas, depois que os chapéus surgiram, viraram a moda preferida na Idade Média. Ao passar do tempo, os chapéus se tornaram maiores, extravagantes e geralmente eram pontudos.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article