Como medir a pulsação em várias partes do corpo

•••

A pulsação refere-se à palpitação rítmica de uma artéria causada por contrações regulares do coração. É possível senti-la em várias áreas do corpo, usando os dedos indicador e médio. Também pode-se ouvir através de um estetoscópio -- um instrumento médico usado para detectar sons produzidos pelo corpo. Para muitos indivíduos saudáveis, medir a pulsação é o mesmo que tomar a frequência cardíaca. Mas, para aqueles que sofrem de arritmia cardíaca (atividade elétrica anormal do coração), a medida da pulsação cardíaca pode ser maior do que a medida da pulsação. A taxa de pulsação normal de um adulto varia de 60 a 100 batimentos por minuto. Aqui estão algumas dicas úteis sobre como medir a pulsação em diferentes pontos de pressão pelo corpo.

Pulsação temporal

Passo 1

taking notes image by Charles Jacques from Fotolia.com

Localize a área de pulsação temporal do seu paciente. Primeiro, você deve apalpar uma proeminência óssea, chamada arco zigomático, para localizá-la. Use seus dedos indicador e médio para sentir o arco zigomático na frente da orelha do paciente, especificamente perto da pequena eminência pontiaguda (tragus). Em seguida, mova os dedos ligeiramente acima dele para sentir a pulsação temporal. Conte as batidas por 60 segundos (1 minuto) e, em seguida, anote. Anote a pulsação da mesma forma para as próximas etapas.

Passo 2

Heart pulse image by Soja Andrzej from Fotolia.com

Localize a pulsação carotídea do seu paciente em torno da área do seu pescoço. Para localizar a pulsação carotídea, use os dedos indicador e médio ao lado da traqueia do seu paciente, localizada na parte anterior ou frontal do pescoço. Você pode sentir a pulsação de ambos os lados do pescoço do paciente, mas você não deve pressionar em ambas as artérias ao mesmo tempo. A pulsação carotídea é normalmente tomada quando a ressuscitação cardiopulmonar (RCP) é executada.

Passo 3

stethoscope image by Zbigniew Nowak from Fotolia.com

Instrua o paciente a sentar-se ou deitar-se para que possa medir a pulsação apical. A pulsação apical é o batimento cardíaco no ápice ou o ponto mais alto do coração -- que é tomado com o uso de um estetoscópio. Coloque o fone de ouvido do estetoscópio e comece sua ausculta. Com o paciente sentado ou deitado, coloque o disco do estetoscópio abaixo do mamilo esquerdo de seu paciente, mais precisamente entre a quinta e sexta costelas. Ouça a pulsação do paciente.

Passo 4

heart beat medical image by Nicemonkey from Fotolia.com

Deixe o paciente sentar-se confortavelmente, com o braço direito ou esquerdo descansando sobre a mesa. Gire o braço direito ou esquerdo dele, de modo que a palma da mão fique virada para cima. Usando seus dedos indicador e médio, apalpe a artéria braquial posicionando os dedos no lado medial (o lado perto de seu corpo) da fossa cubital (sulco entre o antebraço e o braço superior, situado acima do cotovelo). Se você não puder senti-lo na primeira vez que apalpar, passe os dedos do centro do vinco indo em direção a seu corpo. Dessa forma, você pode facilmente sentir a pulsação de sua artéria braquial. Essa pulsação é geralmente palpado ao tirar a pressão de sangue do paciente.

Passo 5

fist over wrist tattoo of greek key pattern image by nextrecord from Fotolia.com

Solicite ao paciente para girar o braço direito ou esquerdo, de modo que a palma da mão fique virada para cima. Sinta a pulsação radial, colocando seus dedos indicador e médio no punho, abaixo da área do polegar. A pulsação radial é a mais fácil de localizar e é o local mais comum para a medição.

Passo 6

petit doigt levé image by Philippe LERIDON from Fotolia.com

Apalpe a pulsação ulnar do paciente, instruindo-o para girar o braço direito ou esquerdo, de modo que a palma da mão esteja virada para cima. Assim como a pulsação radial, você deve localizar a pulsação ulnar do paciente através de seu punho. A única diferença é que você apalpará o punho ulnar do outro lado, abaixo da área do dedo mínimo.

Passo 7

leg and foot massage at the spa and wellness center image by .shock from Fotolia.com

Verifique a circulação da perna do paciente, tomando a pulsação femural. Com o paciente deitado sobre suas costas e com as pernas estendidas, apalpe em torno da área da virilha. Usando os dedos indicador e médio, pressione a artéria femoral direita ou esquerda contra o ísquio -- a parte inferior do osso do quadril.

Passo 8

knee image by Vasily Smirnov from Fotolia.com

Meça a pulsação poplítea do paciente. Peça ao paciente para deitar sobre suas costas e flexionar seu joelho esquerdo ou direito em aproximadamente 120 graus. Segure o joelho com as duas mãos. Estenda os dedos indicador e médio de suas mãos sobre a fossa poplítea (a dobra localizada na parte traseira de seu joelho) e apalpe a artéria poplítea.

Passo 9

big foot image by Ingrid Walter from Fotolia.com

Monitore a circulação do pé do paciente e apalpe a artéria pedis dorsalis. Você pode sentir a pulsação posicionando seus dedos indicador e médio no meio da parte anterior ou frontal do pé do paciente.

Passo 10

foot model image by Jenny Thompson from Fotolia.com

Avalie o fluxo sanguíneo da perna e pés do paciente através da pulsação tibial posterior. Para senti-la, posicione seus dedos indicador e médio na parte traseira de seu tornozelo esquerdo ou direito, especificamente por trás do maléolo medial (proeminência óssea localizada no lado medial ou interno do pé).

Mais recentes

×