Álcool e asma

Escrito por kristina seleshanko | Traduzido por raissa oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Álcool e asma
Bebidas alcoólicas influenciam na asma (www.morguefile.com)

De acordo com o site Educacaofisica.com.br., 2 em cada 10 brasileiros têm asma. Muitos asmáticos lutam para controlar sua doença com medicamentos controlados, e maioria depende de inaladores de ação rápida para ataques repentinos. No entanto, mais pesquisas mostram que aquilo que os pacientes comem e bebem também é capaz de afetar sua condição. Certamente isso é verdade no caso das bebidas alcoólicas.

Outras pessoas estão lendo

O que é a asma?

A asma é uma inflamação pulmonar crônica que causa um estreitamento das vias aéreas. Durante um ataque de asma, os músculos lisos dos brônquios se estreitam ainda mais, e as vias aéreas inflamam e incham, tornando a respiração difícil. Sem tratamento adequado, a asma pode ser fatal, matando 3.000 brasileiros a cada ano, de acordo com o pneumologista Rafael Stelmach.

O álcool é ruim para a asma?

Os médicos sabem que o álcool pode desencadear ataques de asma. Na maioria dos casos, os ataques ocorrem dentro uma hora após a ingestão de bebidas alcoólicas e são geralmente descritos pelos pacientes como moderados.

O vinho tinto e branco parecem provocar mais ataques da asma que outras bebidas alcoólicas. Em um estudo, liderado pelo Dr. Philip J. Thompson do "Asthma and Allergy Research Institute of Perth," (Instituto de Pesquisas sobre Asma e Alergia de Perth), na Austrália, 92% dos entrevistados disseram que o vinho foi o causador do ataque, enquanto que 30% culparam a cerveja.

Por quê?

Os médicos não estão certos de que o álcool agrava a asma. Alguns sugerem que sulfitos no vinho e na cerveja podem ser a causa mas, segundo o Dr. Thompson: "O vinho tem mais de 400 moléculas, sendo que qualquer uma delas pode contribuir para uma reação alérgica... Além disso, raramente são todos os vinhos e cervejas, e tende a ser somente algumas bebidas. "

Outra teoria é a de que o álcool pode causar o refluxo ácido, onde os ácidos do estômago chegam até o esôfago. Em alguns casos, o refluxo também pode fazer com que esses ácidos cheguem às vias respiratórias na parte de trás da garganta, o que pode causar um inchaço que pode agravar a asma.

Outros médicos lembram aos pacientes que o vinho e a cerveja são bebidas fermentadas, o que significa que eles têm muitas substâncias químicas naturais. Algumas delas são similares à histamina, que é produzida pelo nosso corpo quando temos uma reação alérgica. Para alguns asmáticos, essas substâncias podem intensificar os sintomas da asma.

Todo álcool é tabu?

De acordo com a pesquisa do Dr. Thompson, aqueles que beberam vodka, whisky e conhaque não tiveram piora em sua asma. Apenas o vinho e a cerveja parecem afetar os asmáticos de forma negativa.

Um pouco de álcool pode ser bom para asma?

Durante muitos anos, o álcool foi considerado um bom tratamento para a asma. Isto era, em parte, porque a asma foi considerada uma condição psicológica, e o álcool pode ter um efeito calmante.

No entanto, em 2001, o "American Journal of Emergency Medicine" (Revista Americana de Medicina de Emergência) publicou um estudo que afirmava que álcool etanol puro poderia ser usado como um tratamento para a asma. Médicos apontam que o álcool usado no estudo não tinha alérgenos ou contaminantes. No entanto, salientam que essa pesquisa contradiz outros estudos sobre álcool e asma, e é necessária mais investigação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível