×
Loading ...

Como calcular a porcentagem de recuperação em uma extração ácido-base

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Nos laboratórios de química orgânica, a extração ácido-base é uma maneira conveniente de separar componentes de uma mistura. Esse método baseia-se no princípio de que uma base ou um ácido orgânico geralmente se tornam mais solúveis em água ao serem neutralizados para formar um sal. Após a realização da extração, é preciso calcular a porcentagem de recuperação para determinar a eficiência do experimento; os dados necessários são a quantidade inicial de cada composto e a quantidade final recuperada.

Instruções

Depois de realizar uma extração ácido-base, é preciso calcular a porcentagem de recuperação (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)
  1. Estime a quantidade inicial de cada composto. Caso tenha começado com uma amostra contendo aproximadamente um terço do composto neutro, um terço da base orgânica e um terço do ácido orgânico, é possível utilizar a massa inicial da amostra e multiplicá-la por 1/3 para obter a massa inicial de cada um. Por exemplo, caso o experimento tenha começado com uma grama de material, multiplique esse valor por 1/3 para obter 1/3 do composto neutro e as quantidades dos outros componentes.

    Loading...
  2. Divida a quantidade final de cada componente pela massa inicial. Caso no final do experimento a quantidade de base orgânica tenha sido 1/10, por exemplo, e a inicial 1/3, é preciso dividir 1/10 por 1/3 para obter 3/10.

  3. Multiplique a resposta do passo anterior por 100 para convertê-la para porcentagem. Continuando o mesmo exemplo, 0,3 x 100 = 30%.

  4. Observe que a porcentagem de recuperação pode ser diferente para cada tipo de composto, o que é totalmente normal, pois uma extração ácido-base é um processo que ocorre em várias etapas. Por isso, dependendo dos cuidados tomados em cada passo, é possível obter uma porcentagem melhor de recuperação para alguns compostos na mistura do que para outros.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...