Como criar um filhote de dragão barbudo

Escrito por rhomylly forbes | Traduzido por diego silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como criar um filhote de dragão barbudo
Filhotes de dragões barbudos são bonitinhos (young bearded dragon image by Robert Percival from Fotolia.com)

Dragões barbudos são uma opção popular para pessoas que querem um lagarto como bicho de estimação. O tamanho é um fator importante: um macho cresce até 60 cm de comprimento, ficando menor do que uma iguana adulta e maior do que um geco. Esses lagartos são sociáveis e gostam de interagir com um dono experiente e gentil. Como acontece com qualquer animal, é necessário ter mais cuidado e preparação para cuidar de um filhote do que de um adulto.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Aquário de 40 a 75 litros
  • Iluminação
  • Substrato
  • Decorações (rochas, troncos, etc)
  • Vasilha de água
  • Conta-gotas limpo
  • Grilos pequenos
  • Faca
  • Pedaços de frutas
  • Fatias pequenas de vegetais

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Escolha o melhor tamanho para o aquário. Os filhotes de dragões barbudos possuem apenas 15 cm de comprimento ou menos, então, um ambiente grande acaba sendo um exagero para eles. Um aquário de 40 a 75 litros está de bom tamanho, afinal, algo maior tornaria difícil para o lagarto encontrar suas presas. Um espaço maior também pode assustá-lo e fazer com que ele não explore o ambiente e cace.

  2. 2

    Monte o habitat antes de ir à loja comprar o animal. Arrume uma luz de descanso, um substrato ou areia, rochas, toras e decorações com um dia ou dois de antecedência. Deixe uma pequena vasilha com água fresca no aquário, mas saiba que, de tempos em tempos, você precisará oferecer água com um conta-gotas também.

  3. 3

    Prepare os alimentos com antecedência. Os filhotes de dragão barbudo precisam comer duas ou três vezes ao dia. Pequenos grilos com um terço do tamanho da cabeça de seu lagarto são a melhor opção. Se você não conseguir achar grilos, o que pode acontecer principalmente no inverno, compre alguns em uma loja de artigos para animais ou crie seus próprios insetos em casa. Alimentos que sejam muito grandes podem causar paralisia ou até morte. Corte algumas frutas e vegetais em pequenos pedaços e deixe-os disponíveis para o dragão barbudo.

  4. 4

    Deixe o carro aquecido enquanto transporta o lagarto para casa. Todos os répteis, incluindo essa espécie, preferem ambientes quentes aos frios. Se for um dia frio, aqueça o interior do carro antes de colocar o animal dentro. Se for um dia quente, não ligue o ar-condicionado durante a viagem, se puder. Verifique com antecedência se a loja fornece um transportador de papelão. Se não for o caso, leve uma caixa com você. Não solte o filhote da caixa até estar em casa, pronto para colocá-lo no seu habitat.

  5. 5

    Manuseie o filhote de dragão barbudo gentilmente. Eles são muito mais frágeis do que suas versões adultas. Ao transferir seu novo bicho de estimação para o aquário, seja gentil e cuidadoso, afinal, você não quer machucar o animal.

Dicas & Advertências

  • Ao trazer seu filhote para casa, coloque o aquário em um local quieto e com pouca movimentação para que ele se acomode lentamente com a paisagem e os sons de sua casa.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível