Como cuidar de uma episiotomia pós-parto

Escrito por ehow contributor | Traduzido por agmar vitti
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
Cuidados a serem tomados com uma episiotomia pós-parto

Como cuidar de uma episiotomia pós-parto. A episiotomia é uma incisão cirúrgica feita ao longo do períneo - área constituída de pele e músculo localizada entre a vagina e o reto - para garantir maior segurança ao parto ou simplesmente agilizá-lo. Aqui estão algumas sugestões de como diminuir o desconforto de uma episiotomia ou laceração vaginal pós-parto.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Travesseiros
  • Secadores de cabelo
  • Lenços higiênicos obstétricos
  • Almofadas de hamamélis
  • Garrafas de água

Lista completaMinimizar

Instruções

    Como evitar uma episiotomia

  1. 1

    Pesquise e aprenda como evitar uma episiotomia. (Veja "Como evitar uma episiotomia.")

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Pesquise sobre como evitar uma episiotomia (Digital Vision./Digital Vision/Getty Images)
  2. 2

    Evite tocar no ferimento. A disseminação de germes pode provocar uma infecção que irá aumentar bastante o desconforto. Sempre lave as mãos antes de aplicar qualquer medicamento na área afetada.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Evite tocar no ferimento (Comstock/Comstock/Getty Images)
  3. 3

    Peça bolsas de gelo para o períneo assim que você estiver na área de recuperação. Muitas enfermeiras as trarão para você, mas caso não tragam, exija-as imediatamente. O frio irá diminuir o inchaço significativamente. Se o local onde você estiver não tiver bolsas de gelo, peça a alguém para embeber em água e levar para gelar um lenço higiênico em um recipiente. Desta forma, você terá tanto um absorvente que se molda naturalmente ao seu corpo, como também uma bolsa de gelo. Se você usar bolsas de gelo durante sua recuperação você provavelmente não precisará delas em casa, porém elas ainda poderão oferecer conforto caso você apresente um inchaço prolongado.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Bolsas de gelo podem aliviar o desconforto (Comstock/Comstock/Getty Images)
  4. 4

    Coloque almofadas para hemorroidas ou lenços higiênicos. Hamamélis, o principal ingrediente das almofadas para hemorroidas, ajuda a diminuir o inchaço da pele. Coloque de 3 a 5 almofadas sobre o lenço sanitário de forma que fiquem em contato com o períneo. Troque-as com a mesma frequência que troca os lenços.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Hamamélis alivia a dor (BananaStock/BananaStock/Getty Images)
  5. 5

    Use uma garrafa de esguicho com água morna para se lavar após urinar. O hospital onde você estiver deve fornecer uma destas garrafas a você, caso contrário você poderá comprá-la em uma farmácia. Ela é uma garrafa de esguicho que você enche com água morna. Esguiche a água sobre o períneo quando urinar para diluir a urina e aliviar o ardor. Encha novamente a garrafa e use a água para enxaguar o períneo e a vagina após urinar. Seque a área no sentido da frente para trás para evitar a disseminação de germes do reto para a vagina ou use um secador se a área estiver muito sensível.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Você pode comprar uma garrafa de esguicho na farmácia (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)
  6. 6

    Alterne períodos sentada e andando. Andar pode ser um bom exercício para aumentar o fluxo sanguíneo e agilizar a cicatrização, mas não exagere nas primeiras semanas de sua recuperação. Se começar a sentir dor, mude de posição.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Andar é um bom exercício (Comstock/Comstock/Getty Images)
  7. 7

    Faça banhos de assento três ou quatro vezes ao dia. A maioria das maternidades fornece uma bacia que você apoia no assento da privada ou você pode comprar uma em uma farmácia. Você também pode entrar em uma banheira com água morna, mas primeiro consulte seu médico. A água morna irá aliviar o desconforto no períneo e ajudar a limpar o ferimento.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Banhos de assento também ajudam (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)
  8. 8

    Aplique um spray tópico no períneo. Algumas maternidades ou médicos irão fornecer um spray analgésico e dar orientação sobre como recarregá-lo. Você também pode adquirir um destes sprays em uma farmácia.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Médicos podem fornecer um spray analgésico (Photodisc/Photodisc/Getty Images)
  9. 9

    Sente-se em um travesseiro ou assento inflável. Novamente, a maternidade pode fornecer um ou você poderá comprá-lo em farmácias.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Sente-se em um travesseiro (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)
  10. 10

    Faça os exercícios Kegel. Você pode fazê-los simplesmente contraindo seus músculos pélvicos. Faça como se estivesse tentando parar o fluxo de urina. Execute este movimento de 10 a 12 vezes sempre que amamentar o bebê para ajudá-la a fortalecer os músculos pélvicos e aumentar o fluxo sanguíneo no períneo.

    Como cuidar de uma episiotomia pós-parto
    Faça exercícios Kegel quando amamentar o bebê (IT Stock Free/Polka Dot/Getty Images)

Dicas & Advertências

  • Deixe que os outros cuidem de você. Seu trabalho é descansar e amamentar o bebê. Deixe seus amigos e familiares cozinharem, fazerem a limpeza e tomarem conta de seus outros filhos. Tente evitar uma episiotomia. Porém, é claro que se seu bebê estiver em sofrimento e uma episiotomia for apressar o parto, siga o conselho do médico. Entretanto, a maioria das mulheres não necessita de uma episiotomia para ter um parto seguro. Há uma controvérsia sobre se a incisão cirúrgica dói menos e cicatriza mais rapidamente que as lacerações naturais e a distensão do assoalho pélvico.
  • Consulte seu médico ou parteira imediatamente se alguma tentativa de aliviar a dor não estiver funcionando, se a dor aumentar ou se você apresentar febre ou erupção cutânea.
  • Se você tiver alguma dúvida ou preocupação, contate um médico ou outro profissional da saúde antes de tomar qualquer atitude relacionada à saúde ou dieta. Esta informação não deve substituir o aconselhamento ou o tratamento médico.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível