Definição de fibra crua na alimentação

Escrito por loraine alkire | Traduzido por diego feijo cabral silva
Definição de fibra crua na alimentação
Feijões (beans image by chrisharvey from Fotolia.com)

Frequentemente há muita confusão sobre a diferença entre fibra dietética (fibra solúvel) e fibra crua, também chamada de fibra insolúvel. A maioria das fibras cruas contém entre um sétimo e a metade de fibra dietética.

Componentes da fibra crua

A fibra crua é determinada por análises de laboratório e é composta principalmente de lignina, que é encontrada nos tecidos das plantas e na celulose — basicamente o esqueleto de uma planta.

Análise de laboratório da fibra crua

Em termos leigos, a análise da fibra crua em laboratório consiste na secagem por estufa da fibra para analisá-la após a sua exposição a uma série de soluções de ácido sulfúrico e hidróxido de sódio. O que resta é a fibra crua: uma mistura de fibras insolúveis, sem valor nutritivo.

Precisamos de fibra crua?

A fibra crua ou insolúvel é expelida pelo corpo e ajuda a manter a regularidade dos movimentos peristálticos do intestino. Em resumo, a maioria das pessoas precisa de um pouco de fibra crua em suas dietas.

Fontes de fibra crua

Fontes excelentes de fibra crua ou insolúvel incluem: verduras de folhas verdes, grãos integrais (trigo e centeio integrais) e feijões vermelhos ou pretos.

Síndrome do intestino irritável

Embora a maioria dos médicos e nutricionistas recomende uma dieta rica em fibras, tanto solúveis como insolúveis, muitos sugerem àqueles que sofrem da síndrome do intestino irritável, que não consumam fibra insolúvel de estômago vazio.