Fatores que afetam positivamente o aprendizado dos alunos

Escrito por sara mahuron Google | Traduzido por marcella narvaes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Fatores que afetam positivamente o aprendizado dos alunos
Engajar os alunos para alcançarem o sucesso ajuda com o seu aprendizado (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

O ato "No Child Left Behind" (Nenhuma criança ficará para trás) estadunidense foi implementado para tratar da desigualdade de desempenho encontrada na juventude norte-americana. Ele tornou as escolas responsáveis pelo aprendizado. Enquanto pesquisas mostram que elas estão apenas parcialmente relacionadas com o aprendizado dos alunos, uma meta-análise de pesquisa realizada pela "Mid-continent Research for Education and Learning" (McREL), mostrou que escolas e professores contam como apenas 20% da desigualdade de desempenho. Os fatores externos, como envolvimento dos pais ou ambiente da casa, motivação do aluno, conhecimento prévio e experiência contam pelos outros 80%. Os estudantes se beneficiam de um equilíbrio positivo entre todos esses fatores.

Outras pessoas estão lendo

As estratégias instrucionais do professor

Um estudo sobre a importância do ensino de sucesso conduzido por Marzano (2003) revelou que os professores que eram classificados como os "mais eficazes" aumentavam o desempenho de seus alunos em 53%, enquanto professores que eram classificados como os "menos eficazes" aumentavam o desempenho em apenas 14%, no decorrer de um ano. Marzano identificou nove estratégias instrucionais que afetam positivamente o ensino. Elas são: ensinar a comparação de similaridades e diferenças; melhorar a habilidade dos alunos de fazer anotações, resumir e compreender o conteúdo; usar a tarefa de casa para praticar; reforçar o aprendizado através do reconhecimento; diferenciar instrução para acomodar vários tipos de aprendizado; estabelecer objetivos; usar experiências ou conhecimentos anteriores como uma premissa para novos conceitos; ensinar o pensamento científico de análise objetiva e pensamento crítico e promover um ambiente escolar colaborativo de aprendizado.

Gestão escolar eficaz

A gestão escolar positiva afeta o aprendizado do aluno. Na verdade, de acordo com um relatório da Universidade de Minnesota e Toronto (2004), a gestão eficaz é a segunda influência mais importante no aprendizado do aluno e é responsável (tanto direta como indiretamente) pelo mesmo. Ela envolve líderes a estabelecerem direções, desenvolverem funcionários e garantir uma eficácia organizada. Os líderes são um elemento chave ao fazer reformas funcionarem. A gestão escolar deve entender e ser capaz de implementar reformas e melhorias na escola. Instituições operando abaixo do desejado ou enfrentando circunstâncias desafiadoras veem um impacto positivo no aprendizado do aluno através de uma boa liderança.

Envolvimento da família

O envolvimento dos pais no aprendizado dos alunos mostrou-se repetidamente como um fator positivo. De acordo com David Topor et al (2010), "Crianças especificamente que têm pais mais envolvidos na educação têm maiores níveis de desempenho acadêmicos do que crianças cujos pais estão menos envolvidos". Com crianças em idade escolar passando apenas 30% de seus dias na escola, faz sentido que 86% do público acredita que o apoio dos pais é o maior fator de desenvolvimento escolar. De acordo com o PTA norte-americano, décadas de pesquisas indicam que alunos com pais envolvidos se beneficiam com uma performance escolar melhor, mais motivação e melhor participação. O envolvimento dos pais é considerado uma influência direta no aprendizado.

Estudo de uma segunda língua

Enquanto pouca ênfase foi colocada em estudar uma língua estrangeira por razões culturais ou linguísticas, pesquisas recentes sugerem uma nova razão para tentar aprender uma. Alunos que aprendem outra língua são mais beneficiados quando se trata de aprender outras matérias que são obrigatórias. Eles conseguem melhores notas em testes de proficiência acadêmica, demonstram habilidades cognitivas maiores e têm um senso de desempenho maior. Cincinnati implementou um programa de línguas estrangeiras entre uma minoria. Esses alunos tiveram um desempenho maior que o normal tanto em matemática como em leituras e isso foi atribuído ao estudo de uma língua estrangeira.

Relacionamento positivo entre professor e aluno

Os professores que têm relacionamentos com seus alunos que são caracterizados por uma comunicação aberta, carinho e ausência de dependência e conflito têm efeitos positivos. Esse tipo de relacionamento tem um bom impacto no aprendizado do aluno. De fato, David Topor et al (2010) escreve que o relacionamento é "um preditor importante do desempenho da criança". Sara Rimm-Kaufman, Ph.D. (2011) explica que o relacionamento positivo entre professores e alunos incentiva o aluno a aprender. Outro fato importante é que o bom relacionamento entre professor e aluno está relacionado com o envolvimento dos pais, um fator chave no aprendizado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível