Como fazer hidroginástica na sua piscina

Escrito por ehow contributor | Traduzido por cristiane belchior
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer hidroginástica na sua piscina
A hidroginástica na piscina poderá ser divertida com um grupo (Thinkstock/Comstock/Getty Images)

As atividades aeróbicas dentro da água são uma excelente forma de baixo impacto para queimar calorias, melhorar a flexibilidade e resistência, bem como firmar os músculos. Você não precisa saber nadar para fazer esses exercícios. A flutuação da água faz com que seja mais fácil praticá-los, especialmente se você tem artrite ou problemas semelhantes que de alguma forma limitem o seu movimento. Obtenha um atestado médico antes de iniciar um programa de exercícios na água.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Maiô confortável
  • Sapatos de água (opcional)
  • Flutuadores (opcional)

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Caminhe com a água na cintura ou na altura do peito.

  2. 2

    Aqueça-se com alguma corrida leve ou movendo-se ao redor da piscina por cinco minutos

  3. 3

    Trabalhe uma variedade de movimentos, usando a resistência da água para exercitar seus músculos. Experimente movimentos com os quais já esteja familiarizado. Faça uma série de 10 polichinelos, levante os braços apenas até a superfície da água. Faça a dança do "twist" por um minuto. Mesmo que você seja muito jovem para se lembrar do twist, salte girando a cintura de um lado para outro, empurrando e puxando a água com os braços. Mova-se como se estivesse esquiando, enquanto está parado ou em movimento em toda a piscina. Empurre e puxe a água a cada braçada. Marche no lugar. Traga o seu joelho e perna para fora, em seguida, puxe-os para trás através da água, alternando as pernas em períodos curtos. Faça uma série de passos laterais, com os braços correspondentes. Traga as suas pernas e braços para cima e para o lado, puxando-os através da água para baixo em linha reta. Esse é o mesmo movimento de pular cordas, mas sem pular.

  4. 4

    Continue movendo-se através da água, variando seus movimentos e mudando de direção por aproximadamente 20 minutos. Você deverá manter o ritmo, mas não fique sem fôlego ao ponto de não manter uma conversa.

  5. 5

    Aumente o esforço cada vez que estiver na piscina. Adicione dispositivos de flutuação e faça novos movimentos, como andar de bicicleta e chutes de tesoura.

  6. 6

    Acalme-se e não pare de repente. Desacelere com uma caminhada lenta ou passo longo até sentir que sua pulsação voltou ao normal.

Dicas & Advertências

  • Enquanto você se move através da água com diferentes movimentos do pé, pressione os calcanhares para baixo. Certifique-se de que não esteja fazendo todos esses movimentos na ponta do pé.
  • Se a sua piscina é profunda, coloque uma corda para marcar o fundo, de modo que você fique na parte rasa, com a água ao nível da metade do peito, especialmente se você não for um nadador.
  • Não exceda o seu nível de conforto.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível