Como identificar gastrite crônica

Escrito por cathy pelekakis | Traduzido por camila oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como identificar gastrite crônica
Cuide da saúde do seu estômago identificando a gastrite aguda (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Gastrite crônica ou dispepsia pode ser produzida por maus hábitos alimentares, refeições feitas com pressa e por não mastigar adequadamente a comida. Alimentos mal cozidos também podem provocar um ataque. Aqui você saberá como identificar uma gastrite crônica.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Vitaminas e bicarbonato de sódio

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Sofrer de azia e de desconforto no estômago depois de comer são sinais de uma gastrite crônica. Depois de ingerir alguns alimentos, o sistema digestivo fica indisposto e a pessoa sente uma sensação de queimação acima do seu osso externo. Azia é um sinal de má digestão.

  2. 2

    A perda do apetite, especialmente pela manhã, mas melhorado durante o dia é um sinal adicional de desordem estomacal. Quando ela é evidente, investigue os alimentos que estão sendo ingeridos. Escolha itens que cairão bem ao seu estômago.

  3. 3

    Arrotos crônicos é um sintoma proeminente, já que acontecem diretamente depois de cada refeição e às vezes parecem durar por muitos minutos e depois acalma. São acompanhados por uma sensação de enjoo na área do estômago. Náuseas e vômitos, em sua maioria de saliva, muco e pouca comida são outros sinais de gastrite crônica.

  4. 4

    Elimine alimentos que podem causar indisposição. Os tomates contêm ácido e, além disso, podem contribuir para a gastrite crônica. Pizza é outro produto de comida rápida que não fará bem. Evitar esses tipos de comida na sua dieta contribuirá na eliminação dessas dores. Outros itens que podem causar o mesmo efeito incluem tortas e produtos de pastelaria.

  5. 5

    Adicione suplementos vitamínicos à sua dieta, que incluem vitaminas A, B e C. Se o seu estômago ainda estiver ruim, dilua uma colher de chá de bicarbonato de sódio em água para ajudar a relaxar as dores estomacais.

  6. 6

    Altere sua dieta e inclua itens como frango, cordeiro, peixes cozidos de carne branca ou linguados. Essa mudança será útil à pessoa. Elimine alimentos como repolho, frituras, comidas requentadas e passadas do ponto. Gorduras e açúcares devem ser consumidos com moderação.

  7. 7

    Beba muita água durante o dia. Seu consumo ajuda no fluxo do sistema corporal e é muito bom para o seu corpo.

  8. 8

    Fique de olho em perdas repentinas de peso. A relutância de alimentar-se devido à sensação de desconforto que ocorre após comer pode ser uma das causas da perda de peso.

Dicas & Advertências

  • Apesar de ser uma sensação horrível, essa doença é tratável com uma mudança na dieta, aumentando o nível de ingestão de água e praticando exercícios.
  • Se a dor piorar e não dissipar depois das alterações na dieta e nos hábitos alimentares, procure atenção médica.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível