Tipos de lã para tricô

Escrito por joanne thomas | Traduzido por contributing writer
Tipos de lã para tricô
Tipos de lã para tricô (penywise)

Tricoteiros modernos possuem uma variedade quase infinita de fios para escolher, havendo todos os tipos de fibras, cores e espessuras. A lã possui uma popularidade constante por causa da temperatura morna que ela tem, além da grande capacidade de absorver corantes, durabilidade e beleza. O desenvolvimento de lãs e fios mesclados laváveis reduziu a complexidade nos cuidados de produtos feitos com lã.

Lã cem porcento

Ao tricotar fios feitos com 100 % de lã, obtém-se vantagens e desvantagens. A lã tem sido valorizada por milhares de anos pela textura, absorvência e força inerentes ao material dela. Variedades populares incluem a lã de cordeiro, que é bem fina e macia, e lã merino, que vem de criações milenares de ovelhas especialmente tratadas para a produção de uma lã luxuosa. Toda lã é uma fibra viva -- cada filamento tem uma estrutura frisada com escamas sobrepostas. Esta característica cria força e elasticidade extrema, pois cada fibra pode ser esticada ou manipulada e, mesmo assim, ainda volta ao alinhamento natural sem danos. Esta estrutura também faz com que, no momento em que a lã é lavada, a umidade e a fricção tornem as escamas emaranhadas e feltradas. Por um lado, essa é uma qualidade essencial para quem tem a intenção de feltrar a peça tricotada. Por outro lado, isso significa também que todos os tricôs, cujos fios sejam feitos com 100 % de lã, necessitam ser lavados à mão e com cuidado, para prevenir a feltragem.

Lã lavável

Graças à tecnologia moderna, uma lã lavável já está disponível para os tricoteiros. Este tipo de fio mantém as qualidades desejáveis da lã, mas eliminam a tendência dela encolher quando é lavada. Esta lã, que pode ser lavada, é tratada com uma química leve, que reveste as fibras individuais com uma película invisível. Quando o produto tricotado é lavado, a película diminui a fricção que causa a feltragem. O tratamento químico possui efeitos permanentes. Assim, as peças feitas com lã lavável podem ser lavadas e secas à máquina, ilimitadamente. Quando for escolher lã lavável para tricotar, verifique se a etiqueta da mercadoria possui a denominação “superwash” (lavagem excelente). Essa informação indica que o produto atende às normas de lavagem e secagem bem-sucedidas, estipuladas pela Secretaria Internacional da Lã (International Wool Secretariat).

Lãs mescladas

A lã pode ser misturada com outros tipos de fibra para que sejam formados variados tipos de fios apropriados para o tricô. A proporção da lã e os demais tipos de fibra determinam as propriedades do material final. Misturas de lã e algodão, por exemplo, balanceiam a elasticidade da lã, atribuindo uma textura suave, proveniente do algodão, formando um tecido mais fresco do que um que tenha sido feito apenas com lã pura. A combinação da lã com fios acrílicos, geralmente, pode ser lavada à máquina e é considerada mais barata do que a lã cem porcento. Quando associados à casimira, os fios de lã possuem uma sensação extremamente macia e luxuosa.

Lã orgânica

Fios orgânicos estão cada vez mais populares. Interessados em lã orgânica gostam de saber que as fibras para o tricô vieram de fontes benignas ao meio ambiente. Para ser certificada como lã orgânica, em países como os EUA, as ovelhas criadas para a tosquia têm que se alimentar apenas em pastos orgânicos e nunca devem comer alimentos geneticamente modificados nem tratados com pesticidas. As fibras não são tratadas nem acabadas com produtos químicos e apenas óleos orgânicos são usados na fiação. Um benefício adicional é que a ausência de produtos químicos significa que a lã orgânica é recomendável para pessoas com pele sensível.

Pesos

A lã vem em espessuras diferentes. Iniciantes no tricô precisam saber a importância da escolha do fio com a espessura apropriada para se usar ao seguir um padrão de tricô. Tricoteiros avançados podem até fazer substituições, mas a espessura do fio ainda é o fator principal a ser considerado quando forem calcular a quantidade necessária em metros de fio. Existem cinco espessuras principais para lã: super fina; fina/leve; média; grossa e supergrossa. Pelo fato da lã ser uma fibra natural, existem diferenças inevitáveis entre uma marca e outra. Mesmo que você tenha escolhido a espessura correta é importante tricotar uma amostra pequena antes de começar o seu projeto.