O que é behaviorismo criminal?

Escrito por noel lawrence | Traduzido por carol matos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é behaviorismo criminal?
Os presídios têm sido o local de muitas práticas behavioristas criminais (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

A teoria psicológica do behaviorismo ou comportamentalismo afirma que as ações humanas podem ser guiadas ou modificadas através de recompensa por atos desejáveis e punições por atos impróprios. Quando aplicada ao campo da criminologia, os métodos behavioristas podem ser utilizados para reabilitar infratores. Através do condicionamento, os indivíduos aprendem a evitar as ações criminosas e a escolher os comportamentos socialmente aceitos. A noção de behaviorismo criminal constitui a base de muitas práticas policiais.

Outras pessoas estão lendo

História

A doutrina do behaviorismo tornou-se proeminente na década de 1920, embora tenha perdido sua popularidade devido à ascensão da psicologia cognitiva. O mais famoso behaviorista, Ivan Pavlov, realizou experimentos com animais em que associava sons à comida, levando os animais a executar certas ações. Skinner explorou as implicações sociais dessa teoria, defendendo uma sociedade baseada nos princípios behavioristas em seu livro, "Walden Two." Em sua utopia determinista, sistemas de risco/recompensa sociais criam cidadãos-modelo e uma sociedade padronizada.

Implicações das políticas públicas

A simplicidade da psicologia behaviorista tornou a teoria muito atraente para os sistemas penais. O sistema judiciário pune e recompensa criminosos até que sejam reabilitados. À parte das prisões, programas sociais para jovens em situação de risco também podem ser concebidos de acordo com os princípios behavioristas. Teoricamente, qualquer sistema que utilize cenouras e varas, indiretamente reduz o crime através do behaviorismo. Pode ser útil na escola, na família e nas organizações sociais.

Práticas

Um exemplo clássico de behaviorismo criminal na prática é a terapia da aversão. Muitos estados americanos exigem que pedófilos se submetam a tratamentos que os ajudem a superar o desvio comportamental. Eles podem, por exemplo, ser forçados a ver a imagem de uma criança enquanto inalam um odor tóxico. Como esse procedimento é repetido várias vezes, o pedófilo associa a imagem da criança a náuseas, ao invés de associá-la à excitação. Menos diretamente, as prisões, que recompensam o bom comportamento com privilégios e punem o mau comportamento com "a solitária", baseiam-se na mesma ideia.

Críticas

O filme Laranja Mecânica de Stanley Kubrick ilustra um dos principais inconvenientes do behaviorismo. Em sua cena mais famosa, o bandido protagonista Alex é forçado a assistir filmes com cenas de crimes e atrocidades, enquanto recebe uma droga que faz com que ele fique mal fisicamente. Embora o tratamento o impeça de cometer atos violentos, não se leva em conta o livre-arbítrio e a internalização da moralidade. Como resultado, o behaviorismo pode não funcionar adequadamente quando aplicado à sociedade. À parte das implicações filosóficas, psicólogos cognitivistas e neurocientistas acreditam que os seres humanos interagem com o seu ambiente de maneiras muito mais complexas, sendo estas interações mediadas pelo cérebro.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível