×
Loading ...

Tipos de habilidades intelectuais

De acordo com Robert V. Kail et al., a inteligência é multidimensional. Em outras palavras, ela é composta de várias habilidades intelectuais diferentes, inter-relacionadas. Na verdade, cerca de 25 delas são importantes. Foi estabelecido na década de 1930 que elas podem ser divididas e estudadas em grupos semelhantes, como habilidades espaciais e de memória. Além disso, quatro delas, que são consideradas as habilidades mentais primárias, têm sido o foco das pesquisas.

As habilidades intelectuais permitem que as pessoas processem suas experiências (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

Raciocínio matemático

O raciocínio matemático é a habilidade de analisar e calcular com padrões abstratos, de acordo com o estatístico Dani Ben-Zvi et al. As capacidades de trabalhar mentalmente com números, símbolos e relações matemáticas fazem parte desse grupo. Como na linguagem, a matemática é basicamente um conjunto de conceitos abstratos, e alguns pesquisadores acreditam que as mesmas habilidades intelectuais são necessárias para ambas as disciplinas. Porém, se uma pessoa tiver habilidade em uma delas, isso não significa que ela possui o mesmo nível de desenvolvimento intelectual na outra.

Loading...

Habilidade descritiva

A capacidade de descrever as coisas é uma habilidade que os seres humanos começam a dominar desde a infância, quando eles aprendem conceitos como cor, forma e tamanho. Com o passar dos anos, as pessoas começam a descrever as coisas para transmitir informações a outras, como dizer a um mecânico o tipo de ruído que o motor de seu carro está fazendo. Até mesmo Platão fez referência à capacidade de descrição, em sua "Teoria do Conhecimento", segundo o ex-professor de Oxford don I. M. Crombie. No entanto, curiosamente, o ilustre filósofo grego não criou uma ligação entre a habilidade de descrição e o conhecimento.

Habilidade com vocabulários

Muito próxima da habilidade de descrição está a habilidade com o vocabulário. O nosso vocabulário tende a se expandir com a experiência, de modo que, como adultos, podemos usar corretamente palavras como "ultramarino", "octogonal" e "minúsculo", onde, quando crianças, poderíamos ter usado "azul", "redondo" e "pequeno". Ser capaz de reconhecer a diferença entre duas palavras com significados semelhantes, como "ocasional" e "errático", também é um sinal do aumento da capacidade com o vocabulário.

Raciocínio indutivo

O professor de psicologia Bob Rehder refere-se ao raciocínio indutivo como o "raciocínio das conclusões incertas", em outras palavras, fazer deduções preliminares sobre as coisas ou generalizações. O raciocínio indutivo é associado com a dedução, embora alguns psicólogos criticarem sobre se ambas são habilidades intelectuais diferentes ou se são dois aspectos de uma mesma habilidade. Essa capacidade pode exigir um pensamento rápido e lento ao mesmo tempo, fazer associações prévias e manipular conceitos simbólicos.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...