Tratamento medicamentoso do AVC

Escrito por m. gideon hoyle | Traduzido por elisa lacerda de freitas
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Um acidente vascular cerebral (AVC) é uma emergência médica desencadeada pela interrupção do suprimento normal de sangue no cérebro. A reação imediata à doença pode evitar muitas de suas complicações graves ou fatais.

Outras pessoas estão lendo

Os fatos

De acordo com o Instituto Nacional de Distúrbios Neurológicos e Derrames dos EUA, o AVC resulta de uma obstrução em uma artéria (AVC isquêmico) ou do sangramento de uma artéria no cérebro (AVC hemorrágico).

Tempo para o tratamento

A Clínica Mayo estipula um limite de três horas para o tratamento imediato dos sintomas de AVC. O tratamento nesse período de tempo pode ajudar a prevenir a morte e o desenvolvimento de complicações graves, incluindo paralisia e déficits de memória, raciocínio e linguagem.

Opções de tratamento rápido

Em um AVC isquêmico, os médicos podem usar qualquer um dos vários métodos para limpar rapidamente uma obstrução da artéria, incluindo a aspirina, anticoagulantes como a warfarina (Coumadin) e um novo medicamento chamado ativador do plasminogênio tecidual (t-PA).

O t-PA

O t-PA pertence a uma classe de medicamentos chamados trombolíticos. Para alcançar seu efeito terapêutico, os médicos devem administrá-lo dentro de três horas após os primeiros sintomas de AVC.

Considerações

Antes de administrar o t-PA, os médicos rotineiramente examinam o cérebro do paciente para distinguir o AVC isquêmico do AVC hemorrágico. O uso do medicamento em caso de um AVC hemorrágico pode desencadear um agravamento letal da hemorragia.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível