Competências e habilidades necessárias para ser um chefe de cozinha

Escrito por mary jane | Traduzido por elia regina previato
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Competências e habilidades necessárias para ser um chefe de cozinha
Um chefe de cozinha deve ser capaz de criar pratos para o menu do restaurante (Finger food - finger food pieces at Mediterranean wedding image by FotoWorx from Fotolia.com)

Um chefe de cozinha é o profissional que planeja e cria pratos em um restaurante. Ele pode ter vários títulos, incluindo chefe executivo, sub-chefe ou especialista. Apesar do título, algumas das habilidades e competências necessárias são as mesmas, uma vez que todos os chefes profissionais concluem o seu trabalho na cozinha para produzir o melhor prato possível para o cliente. O foco de um chefe se encontra parcialmente no cliente, pois a higiene dos alimentos e a segurança na cozinha também exigem sua atenção.

Outras pessoas estão lendo

Habilidade para mutitarefas

Para se tornar um chefe é necessário possuir a habilidade de realizar diversas tarefas, pois um único prato pode consistir de alimentos que precisem ser preparados de maneiras diferentes. Por exemplo, um prato pode exigir um pedaço de proteína, como carne, frango ou peixe; uma salada ou uma porção de legumes e um acompanhamento de arroz, batata ou macarrão. Cada componente precisa ser preparado de forma diferente e o chefe precisa ser capaz de participar do preparo de todos eles.

Entendendo os ingredientes, os produtos e os temperos

Um chefe deve entender de diferentes ingredientes em termos de textura e sabor. Isso inclui vegetais e especiarias. Nem todos os ingredientes podem ser adequadamente rotulados na cozinha, de modo que o chefe deve ser capaz de reconhecê-los simplesmente com o olhar ou saboreando-o por breves instantes. Esta é uma habilidade importante, especialmente em uma cozinha movimentada ou se os ingredientes chegarem à cozinha sem rótulos.

Menus criativos

Os chefes de restaurantes menores ou que trabalham como chefes executivos podem ser os responsáveis ​​pela criação do menu. Isso não significa simplesmente colocar os ingredientes juntos no papel, mas a criação de pratos que atrairão os clientes devido àquele prato em particular. Esse pode ser um processo mais longo, mas exige que o chefe esteja familiarizado com ingredientes, colaborações de alimentos e degustação de vinhos.

Saúde e segurança na higiene alimentar

Uma das habilidades mais importantes que um chefe deve ter é a capacidade de entender e praticar saúde e segurança na cozinha. Isso pode incluir afastar facas ou equipamentos de cozinha quando não estiverem em uso e tratar os tipos de alimentos adequadamente. Por exemplo, o chefe deve saber que não pode colocar carne na mesma tábua de corte de outros alimentos, uma vez que as bactérias da carne podem contaminá-los, constituindo um risco potencial à segurança dos clientes do restaurante. Ele deve reconhecer situações potencialmente perigosas, tais como panos de cozinha perto de um fogão quente, já que a cozinha pode ser um lugar bastante agitado durante a noite e nos finais de semana, quando os clientes querem experimentar comidas deliciosas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível